29 de agosto de 2016

RESENHA: Eu sem Você

Editora: Arqueiro
Autor(a): Kelly Rimmer
Número de Páginas: 304

Sinopse: Há um ano, conheci o amor da minha vida. Para duas pessoas que não acreditavam em amor à primeira vista, até que Lilah e eu chegamos bem perto de dizer que isso aconteceu conosco. 
Eu tinha um bom emprego em uma agência de publicidade e não fazia outra coisa além de trabalhar. Era incapaz de tomar decisões sobre meu futuro e minha casa inacabada e não sabia aproveitar a vida. Até conhecer Lilah. 
Lilah MacDonald era uma advogada ambientalista linda e decidida – e, para minha surpresa, detestava usar sapatos. Era uma pessoa tão maravilhosa que é até difícil descrevê-la. 
Nosso relacionamento não poderia ser mais improvável, mas me transformou profundamente. Comecei a enxergar as coisas de outra forma e a redescobrir antigas paixões. Lilah me ensinou a viver outra vez e a aproveitar ao máximo tudo o que a vida tem a oferecer. 
Ela me proporcionou momentos incríveis, mas também manteve em segredo algo que partiu meu coração. Ainda assim, se há uma coisa que aprendi com Lilah é que o amor pode curar qualquer ferida. 
Meu nome é Callum Roberts e esta é a nossa história.

Olá gente lindaaa!
Tudo bem com vocês?
Hoje eu vou falar de um romance lindo, que me fez pensar muito no modo como eu tenho vivido (e que tem uma pitadinha de Nicholas Sparks). Estou falando de "Eu sem Você", publicado recentemente pela Editora Arqueiro.

A história é narrada em primeira pessoa por Callum, um publicitária de 39 anos que vive em função de seu trabalho. Ele não tem sonhos, ambições ou qualquer coisa do tipo. Seu maior exemplo de diversão é dormir até mais tarde aos fins de semana e ficar sem fazer nada em seu apartamento (confesso que me identifiquei nessa parte). Ele é um homem de poucos amigos e praticamente não tem contato com a família desde a morte dos pais, anos atrás.
Tudo muda quando ele conhece Lilah, uma advogada ambientalista vegana e riponga que odeia sapatos.

27 de agosto de 2016

Na Minha Caixa de Correio!! #139

Olá gente lindaaaa!
Às vésperas da Bienal (uhul \o/) eu tenho apenas um livro pra mostrar pra vocês, mas espero trazer muita coisa boa na próxima semana. Aguardem!

PARCERIA:

- Armadilha - Melanie Raabe (Editora Jangada)
304 páginas (amarelas)


***
Beijos e amassos!!

26 de agosto de 2016

Bienal, aí vou eu!

Olá gente lindaaaa!!
A postagem de hoje é SÓ para avisar que estarei na Bienal Internacional do Livro de São Paulo nesse final de semana! Uhulll \o/



Pela primeira vez eu vou para passar o fim de semana e espero poder aproveitar muuuuuito, ver muuuuita gente linda e conhecer muitos blogueiros e booktubers amados. Sou dessas, não conheço pessoalmente, mas já considero pakas (tipo BFF <3).

Mas, vocês me conhecem... é claro que não me organizei ou montei cronograma. Estarei andando por lá sem rumo (e, dessa vez, sem pressa) nos dias 26 (hoje), 27 e 28. Se me virem (e reconhecerem), bora bater um papo e uma fotinho. Vou adorar!

***
Beijos e amassos!

25 de agosto de 2016

Na Telinha ou na Telona... #62

Olá gente lindaaaa!!
Sim, vim falar de mais um dorama. Conheçam "Dear Fair Lady Kong Shim", também conhecido como "Beautiful Gong Shim" ou "A Bela e a Fera". Trata-se de um dorama do primeiro semestre de 2016 e tem tudo para arrancar várias risadas do telespectador.

Sinopse: Apesar de serem irmãs, Kong Shim (Minah) e Kong Mi (Hyo Rim) são bem diferentes. Kong Mi ficou com todos os bons genes, enquanto a outra apenas herdou um bom coração. Ahn Dan Tae (Goong Min) é um advogado de direitos humanos, enquanto Seok Joon Soo (Joo Wan) vem de famílias ricas. Quando as suas vidas se cruzam, surgem competições, amor e inveja. Poderão encontrar a felicidade que procuram?
ELENCO PRINCIPAL:

- Nam Goong Min como Ahn Dan Tae (adovogado conhecido por não cobrar taxas altas e atender pessoas carentes; por vezes ele se mostra "tonto", mas é um homem extremamente inteligente);
- Bang Min Ah como Kong Shim (a "ovelha negra" da família; sempre viveu a sombra da irmã mais velha, que ao contrário dela própria, é linda e bem-sucedida);
- Ohn Joo Wan como Suk Joon Soo ("herdeiro" de uma rica família e futuro CEO da empresa da família; apesar disso, nunca recebeu a aprovação da avó, que o trata mal e sonha com o dia em que reencontrará o neto sequestrado há mais de 20 anos);
- Seo Hyo Rim como Gong Mi (irmã mocréia de Kong Shim; é linda e gananciosa e, apesar de sempre ter tudo e ter toda a atenção, não hesita em puxar o tapete da irmã).
Minha opinião: adorei!
Comecei a assistir esse dorama sem muitas expectativas, pois eu não havia lido nenhum comentário sobre ele ainda (na verdade, o que me motivou a assistir foi essa cena, que vi em alguma página de doramas no facebook). No final das contas, dei muitas risadas e me encantei com o casal pouco convencional.
Kong Shim é uma jovem de 24 anos que sempre viveu á sombra da irmã mais vela. Enquanto ela tem uma aparência comum e não é muito inteligente, a irmã é linda e trabalha em uma grande empresa de advocacia. O sonho de Kong Shim sempre foi estudar pintura na Itália, mas os pais, sempre babando ovo na irmã dela, investiram na educação apenas de uma das filhas, de modo Kong Shim não teve a chance de realizar esse sonho.
A fim de pagar um curso de italiano para, quem sabe, um dia viajar e estudar na Itália, Kong Shim resolve alugar o quarto na cobertura da casa dos pais. Seu inquilino, o sem noção e sem modos, Ahn Dan Tae, aparenta ser um homem sem muita educação, que não faz muita questão de se portar como mandam os bons costumes e que faz todas as refeições na loja de conveniência.

21 de agosto de 2016

SORTEIO: Esquenta Bienal!


Olá gente lindaaaa!
Tudo bem com vocês? 
Não, vocês não leram errado, resolvi fazer um sorteio "pré-bienal"!
A Bienal Internacional do Livro de São Paulo começa na próxima sexta-feira, dia 26 de agosto, por isso vamos logo fazer um ESQUENTA!!
Separei alguns livros e um kit de marcadores para vocês. Boa sorte!

P.S.: Aguardem, pois após a Bienal haverá um outro sorteio, hein?!

O melhor de tudo é que não há regras obrigatórias, basta preencher o formulário abaixo, ter endereço de entrega no Brasil e cruzar os dedos. ;)

a Rafflecopter giveaway

***
> A promoção começa hoje e termina no dia 04/09, o último dia de Bienal;
> Será apenas um sorteado;
> Perfis fakes serão desclassificados;
> Um e-mail será enviado ao sorteado e, em caso de omissão, outro sorteio será realizado.

***
Boa sorte a todos!!

Beijos e amassos!!

20 de agosto de 2016

Na Minha Caixa de Correio!! #138

Olá gente lindaaa!!
Tudo bem com vocês, seus lindos?
Confiram o que eu recebi na última semana (e dessa vez só tem livro de parceria, pois deixei para fazer minhas extravagâncias na Bienal rs).

PARCERIA:

- As Vidas Impossíveis de Greta Wells - Andrew Sean Greer (Editora Jangada)
256 páginas (amarelas).

16 de agosto de 2016

DIVULGANDO: "In Flight", de R.K. Lilley já está na pré-venda!

Olá gente lindaaaa!!
A Editora Charme avisou, avisou, avisoooouu que o primeiro volume da séries Nas Alturas, da autora R. K. Lilley já está na pré-venda! #todoscomemora

O livro será lançado oficialmente no dia 29 de setembro e já está disponível na loja da Charme
E não para por aí...

Quem comprar o livro durante a pré-venda concorrerá a um Kindle! \o/

Na verdade, serão três ganhadores: o primeiro leva pra casa o Kindle e os outros dois, uma almofada linda do livro. Estão esperando o que?

Confiram a capa e sinopse de "In Flight":

In Flight (Nas Alturas #1)
Autor(a): R. K. Lilley
COMPRE!

Sinopse: Quando Bianca, uma reservada comissária de bordo, vê pela primeira vez James Cavendish, um bilionário proprietário de hotéis, ela perde toda a compostura conquistada a duras penas ao longo da vida. Para uma garota que consegue facilmente manejar uma bandeja com taças de champanhe a trinta e cinco mil pés de altura sobre saltos de oito centímetros, ela se vê surpreendentemente de pernas bambas diante do homem enigmático.
A Bianca sempre imperturbável agora não consegue mais se desviar daqueles olhos azul-turquesa eletrizantes que apresentam um desafio e uma promessa irresistíveis. Ainda mais para ela, uma mulher acostumada a dizer “não” e a falar sério.
Bianca costuma lidar com supermodelos e estrelas de cinema em seu trabalho como comissária de bordo de primeira classe, mas James Cavendish coloca todos eles no chinelo quando o assunto é beleza. Se a aparência fosse o único aspecto irresistível nesse homem intimidante, Bianca até poderia ter ignorado as atenções recebidas. Porém, o que a tenta como nunca antes é a força dominante que a atrai desde o momento em que eles se encontram e a promessa de prazer e dor que ela lê em seus olhos.
***
Beijos e amassos!! 

15 de agosto de 2016

RESENHA: Tá Todo Mundo Mal: O Livro das Crises

Editora: Companhia das Letras
Autor(a): Jout Jout
Número de Páginas: 200

Sinopse: Do alto de seus 25 anos, Julia Tolezano, mais conhecida como Jout Jout, já passou por todo tipo de crise. De achar que seus peitos eram pequenos demais a não saber que carreira seguir. Em tá todo mundo mal, ela reuniu as suas "melhores" angústias em textos tão divertidos e inspirados quanto os vídeos de seu canal no YouTube, "Jout Jout, Prazer".
Família, aparência, inseguranças, relacionamentos amorosos, trabalho, onde morar e o que fazer com os sushis que sobraram no prato são algumas das questões que ela levanta. Além de nos identificarmos, Jout Jout sabe como nos fazer sentir melhor, pois nada como ouvir sobre crises alheias para aliviar as nossas próprias!

Olá gente lindaaa!
Hoje é dia de conferir mais uma resenha da nossa querida Lays Garcia. E já que ainda há taaaanta polêmica envolvendo livros de Youtuber, bora saber o que ela achou do livro da Jout Jout!

***
Depois de muito tempo decidi ler um livro que não era um romance literário, nem um livro que estava na minha fila de desejados. Por indicação de uma amiga comecei a ler “Tá todo mundo meio mal” da Youtuber Jout Jout. Caso você esteja lendo essa resenha e não saiba quem é a Jout Jout, permita-me apresenta-la: Julia Tolezano tem um canal no Youtube que fala sobre crises (e outras coisas rsrs); ela ficou mega famosa depois de gravar um vídeo sobre relacionamento abusivo, que se intitula “Não tira o batom vermelho”.
Enfim, eu mesma não a conhecia muito bem, acho que tinha visto uns 3 vídeos dela no máximo, e quando comecei a ler o livro pensei “ela é fo$#!”. Não porque o livro tem uma escrita elaborada, nem porque ela é uma deusa da literatura, e sim porque ela fala sobre crises, crises reais, crises que TODO MUNDO tem!
“A gente, ingenuamente, pensa que, quando conseguimos algo que queremos muito (ou imaginamos querer muito), tudo se encaixa e será bonito e colorido. Não é bem assim.”
O livro reúne uma coletânea de crônicas que contam as crises pessoais da Julia, e por mais incrível que pareça, cheguei a conclusão de que essas crises não tão pessoais assim, já que eu mesma me identifiquei com várias, e lembrei das minhas amigas que também passaram por diversas situações parecidas.  Quem nunca se viu diante de questões como: “Qual profissão devo escolher? Por que não tenho nenhum talento especial? Por que estou em um relacionamento que me faz mal? Por que me sinto culpada por tudo que acontece comigo?” Sim, todas as pessoas no mundo já passaram por alguma dessas crises e se sentiram culpadas por não saber lidar com elas.
“Expectativa demais é um jeito bom de se alcançar a culpa. Porque você nunca vai conseguir ser tão maravilhosa quanto a expectativa sugere que você é, então sempre vai acabar em decepção, e a decepção, em culpa.”
De um jeito leve e bem humorado Jout Jout nos ensina a enxergar, lidar e superar os diversos conflitos que enfrentamos ao longo de nossas vidas. O livro é tão gostoso de ler, tão descontraído e tão “íntimo” que em alguns momentos a gente se sente amiga dela e percebe que, simplesmente, as crises fazem parte da vida.
“Sem crises, parece que você não se transforma. E, se você não muda, você para.”
Eu indico a leitura. Acho que todas as garotas precisam ler esse livro para encarar de um jeito diferente as inúmeras crises existenciais que surgem em todas as fases da vida.

Classificação:
***
Esperamos que gostem!!

Beijos e amassos!!

14 de agosto de 2016

Top 5: Papais Literários!

Olá gente lindaaaa!
Antes de mais nada, gostaria de desejar um Feliz Dia dos Pais a todos os papais! <3
E, para comemorar essa data, dia de alguém tão importante, nada melhor que relembrar 5 papais literários inesquecíveis. E quando digo "inesquecíveis", quero dizer que me marcaram e.... nem sempre de uma forma positiva. Então preparem-se para "papais amorzinhos" e "papais monstrinhos"





1) Charlie (Saga Crepúsculo)
Quem já leu ou assistiu a Saga Crepúsculo, não pode negar que, apesar de Bella e o pai não serem lá muito próximos, Charlie se mostrou um paizão em diversos momentos. Algumas vezes tentando proteger a filha, outras aceitando as decisões dela apesar de se machucar. Além disso, que outro pai seria capaz de acreditar (e aceitar!) todo o desenrolar da história... quem lei a saga até o fim deve se lembrar da batalha interior quando Charlie descobre que a filha é uma vampira. Feliz dia dos pais, Charlie!


2) Sr. Bennett (Orgulho e Preconceito)

E o que dizer do Sr. Bennett, que apesar de ser pai de cinco jovens solteiras em um período em que o casamento era o único meio de garantir um futuro às mulheres, apoia a filha Elizabeth quando ela recusa a proposta de casamento do primo sem noção. A cumplicidade dos dois é um dos ponto mais divertidos do romance. (RESENHA AQUI!)

3) Ray (Cinquenta Tons de Cinza)
Essa é uma homenagem a todos os padrastos, afinal, pai é aquele que cuida, né?! Ray é ex-marido da mãe de Anastasia, a que ela vê e respeita como um pai. As vezes em que ele aparece ou que Ana relembra momentos com ele, deixam claro que ele é um paizão!

RESENHAS:

ATENÇÃO: acabou a sessão reservada para "pais amorzinhos", preparem-se para conhecer ou relembrar "papais monstrilhos"!


4) Anderson (Trilogia Estilhaça-me)
Os fãs da trilogia Estilhaça-me devem concordar comigo quando digo que Anderson é um bom exemplo do tipo de pai que nenhum homem deve ser. O pai de Warner realmente não leva a tarefa muito a sério e só consegue pensar como um comandante, como um soldado, pouco se importando com os sentimentos do filho. Sem contar que, quando um grande segredo (envolvendo Adam) é revelado, nosso ódio por ele é multiplicado. Papais, não sigam esse exemplo!

RESENHAS:
Estilhaça-me (livro 1) | Destrua-me (livro 1,5) | Liberta-me (livro 2)
Fragmenta-me (livro 2,5) | Incendeia-me (livro 3)


5) O Pai (Corações Feridos) 
E, para encerrar nosso Top 5, um dos piores (senão O pior) pai de todos os tempos. Ao longo do livro "Corações Feridos" o pai das gêmeas Hephzibah e Rebecca é chamado de "Ele" ou "O Pai", como se fosse uma entidade, não um ser humano. E, se pararmos para pensar nessa criatura, é preferível acreditar que não é humano mesmo...
Um extremista religioso, super rígido e temido dentro da própria casa, que em vez de um santuário, representa a pura e absoluta opressão. (RESENHA AQUI!)

***
Beijos e amassos!!

11 de agosto de 2016

Na Telinha ou na Telona... #61

Olá gente lindaaaa!!!
Hoje vim falar de um dorama coreano suuuuper curtinho que você podem conferir no Netflix! Trata-se de Lucid Dream, mais conhecido como Snow Lotus Flower ou Snow Lotus.

Sinopse: É a história de dois amantes que se cruzam novamente no mundo dos sonhos, não na vida real, depois de mil anos. Lee Soo Hyun é o CEO de uma empresa de jogos que usa seus próprios sonhos como base para um jogo online chamado Sonho lúcido. Quando um de seus empregados a tempo parcial, de licença da escola de arte, lê o roteiro de Soo Hyun, ela encontra-se lançado em confusão, uma vez que começa coincidindo com seus próprios sonhos onde ela também conhece Ma Lua Jae, um homem que existia mil anos atrás.

ELENCO PRINCIPAL:

- Ji Jin-Hee como Lee Soo-Hyun (dono de uma grande empresa de jogos; tem tido vários sonhos estranhos em que está na era Joseon que o deixam inquieto);
- Lee Ji-Ah como Han Yun-Hee (professora de artes; começa a ter os mesmo sonhos estranho que Soo-Hyun; passa a trabalhar na empresa dele, vestida de homem);
- Seo Ji-Hye como Choi Yoo-Ra (noiva de Lee Soo-Hyun; ela tem um papel importante e chocante no desenrolar da história); 
- Ahn Jae-Hyeon como Ma Moon-Jae (ele aparece apenas nos sonhos de Soo-Hyun e Yun-Hee, mas tem papel importante: é noivo prometido da mulher que ama, porém a mulher se apaixona por seu amigo).



Minha opinião: amei!
Eu sou simplesmente apaixona por histórias que envolvem o destino! Então, nem preciso dizer que adorei esse dorama do começo ao fim!
Eu nunca havia ouvido falar desse dorama, por isso foi uma bela surpresa encontrá-lo no Netflix! São apenas 8 episódios, cada um com cerca de 20 minutos, então assisti tudo em uma sentada só.
A história gira em torno de Lee Soo-Hyun e Han Yun-Hee, dois desconhecidos que passam a ter sonhos estranhos que, com o passar do tempo acabam por se mostrar serem lembranças de uma outra vida. Uma vida de mil anos atrás.
Eles se conhecem quando Yun-Hee se veste de homem para participar de um concurso de desenho infantil, fazendo-se passar por pai de sua sobrinha. No concurso Yun-Hee desenha uma imagem de um dos sonhos que vem tendo nos últimos tempos, e essa imagem chama a atenção de Soo-Hyun, afinal ele tem sonhado com a mesma coisa.

10 de agosto de 2016

NOVIDADE!! #233

Olá gente lindaaa!!
Confiram alguns dos lançamentos de agosto do Grupo Editorial Pensamento!



Amor Roxo
Autor(es): Rafael Alencar Vitti; Julia Oristanio
120 páginas

Sinopse: Rafael Vitti, ator, poeta, músico e "arteiro" (como ele mesmo se define), autor do best-seller de poesias Quer se Ver no meu Olho?, está de volta com Amor Roxo. Agora ele encontrou o amor, ou melhor, Julia Oristanio, sua namorada, musa inspiradora e parceira neste segundo livro. Uma história de amor em poesia ou uma poesia que é uma história de amor, escrita a quatro mãos, em que cada um dos autores conta em poemas sua visão do "antes" e do "durante" de um relacionamento. Coração aberto, intimidades reveladas, estas poesias vão arrancar suspiros das fãs mais apaixonadas.

Armadilha
Autor(a): Melanie Raabe
304 páginas 

Sinopse: Linda, uma escritora best-seller, vive reclusa em sua casa à beira de um lago desde o assassinato de sua irmã mais nova há doze anos. O assassino nunca foi pego, mas Linda o viu de relance, e agora ela acaba de reconhecer seu rosto na TV. Ele é Victor, um brilhante jornalista. Pensando numa saída para pegá-lo, ela escreve um best-seller baseado no assassinato da irmã e concorda em conceder uma única entrevista à imprensa, em sua casa, para Victor. A partir daí tem início um embate perturbador. Cheio de reviravoltas, tensão e terror psicológico.

Cabeças de Ferro
Autor(a): Carol Sabar
304 páginas

Sinopse: Malu foi aprovada no vestibular e prepara-se, com o apoio de Nicolas, para encarar o temido trote da Engenharia. Afinal Artur, seu arqui-inimigo de infância, será seu veterano. No dia, ele despeja uma gosma na cabeça de outra caloura, que sofre um choque anafilático, e todos fogem, sobrando apenas os três. Eles não têm outra saída a não ser se unirem para desvendar este mistério. Por que a gosma despejada na caloura era a única de cor diferente? E por que as outras garrafas desapareceram? Alguém estaria tentando ocultar provas? Será que os estudantes estão na mira de um assassino?

***
Beijos e amassos!!

8 de agosto de 2016

RESENHA: O Despertar do Lírio (Flores da Temporada #2)

Editora: Novo Século
Autor(a): Babi A. Sette
Número de Páginas: 382

Sinopse: Lilian Radcliffe é uma jovem viúva e está feliz com sua vida isenta de emoções. Culpa do luto que não larga? Lilian jurou fidelidade ao marido no leito de sua morte. 
Paralelo a isso, conhecemos Simon Thorn, homem frio e libertino, dono da maior casa de jogos de Londres. Ele está a um passo de realizar seu plano de vingança contra o culpado pelo título de assassino que recebera anos atrás. O problema é que o canalha está morto e ele terá de usar a sua viúva recatada a fim de atingir seus objetivos. 
De um lado, ela precisa manter sua honra intacta; de outro, ele quer seduzi-la e desmoralizá-la. No entanto, Lilian nunca se sentiu tão vulnerável e atraída por um homem. E Simon, por sua vez, demonstra reações ao lado dela das quais nunca imaginara ter. A vingança e a honra se abalam quando nasce entre ambos uma paixão incontrolável. Mas, para ficarem juntos, terão de enfrentar segredos e mágoas profundas, um castelo trancado há seis anos, palco de uma morte misteriosa e, sobretudo, encarar os fantasmas do passado que assombram suas consciências.
Olá gente lindaaaa!
Hoje eu vim falar sobre a escrita incrível, apaixonante, viciante e tudo de bom da querida Babi A. Sette. Mais uma vez.

Em "O Despertar do Lírio", acompanhamos o desenrolar da história de Lilian Radcliffe, irmã de Kathelyn Stanwella protagonista do primeiro livro da série, "A Promessa da Rosa".
Desde o início sabemos que Lilian é o total o oposto da irmão, ela prefere o conforto daquilo que ela conhece do que o prazer que pode ser oferecido por algo novo ou arriscado.
Viúva e mãe de um menino de apenas 4 anos, Lilian acredita que o que a espera é uma vida pacata e tranquila. Aquilo pelo que ela sempre esperou.
"Era uma viúva, e viúvas não sonham com beijos na boca diante do altar." (página 15)

4 de agosto de 2016

TAG: RBD Tag de Libros!

Olá gente lindaaa!!
Após exatos 11 meses sem dar as caras no canal do blog no Youtube, eu finalmente gravei mais uma tag. Bora conferir minhas respostas para a "RBD Tag de Libros"??


***
Espero que vocês gostem!!

Beijos e amassos!!

3 de agosto de 2016

NOVIDADE!! #232

Olá gente lindaaaa!
Confiram os lançamentos de agosto da Editora Arqueiro! Quero todos, acreditam? :P



A Irmã da Sombra (As Sete Irmãs #3)
Autor(a): Lucinda Riley
512 páginas | R$ 49,90


Sinopse: Estrela D’Aplièse está numa encruzilhada após a repentina morte do pai, o misterioso bilionário Pa Salt. Antes de morrer, ele deixou a cada uma das seis filhas adotivas uma pista sobre suas origens, porém a jovem hesita em abrir mão da segurança da sua vida atual.
Enigmática e introspectiva, ela sempre se apoiou na irmã Ceci. Agora as duas se estabelecem em Londres, mas, para Estrela, a nova residência não oferece a tranquilidade da casa de sua infância. Insatisfeita, ela acaba cedendo à curiosidade e decide ir atrás da pista sobre seu nascimento.
Nessa busca, uma livraria de obras raras se torna a porta de entrada para o mundo da literatura e sua conexão com Flora MacNichol, uma jovem inglesa que, cem anos antes, morou na bucólica região de Lake District e teve como grande inspiração a escritora Beatrix Potter.
Cada vez mais encantada com a história de Flora, Estrela se identifica com aquela jornada de autoconhecimento e, pela primeira vez, está disposta a sair da sombra da irmã superprotetora e descobrir o amor.

1 de agosto de 2016

RESENHA: The Kiss of Deception (Crônicas de Amor e Ódio #1)

Editora: DarkSide Books
Autor(a): Mary E. Pearson
Número de Páginas: 406

Sinopse: Tudo parecia perfeito, um verdadeiro conto de fadas menos para a protagonista dessa história. Morrighan é um reino imerso em tradições, histórias e deveres, e a Primeira Filha da Casa Real, uma garota de 17 anos chamada Lia, decidiu fugir de um casamento arranjado que supostamente selaria a paz entre dois reinos através de uma aliança política. O jovem príncipe escolhido se vê então obrigado a atravessar o continente para encontrá-la a qualquer custo. Mas essa se torna também a missão de um temido assassino. Quem a encontrará primeiro? 
Quando se vê refugiada em um pequeno vilarejo distante o lugar perfeito para recomeçar ela procura ser uma pessoa comum, se estabelecendo como garçonete, e escondendo sua vida de realeza. O que Lia não sabe, ao conhecer dois misteriosos rapazes recém-chegados ao vilarejo, é que um deles é o príncipe que fora abandonado e está desesperadamente à sua procura, e o outro, um assassino frio e sedutor enviado para dar um fim à sua breve vida. Lia se encontrará perante traições e segredos que vão desvendar um novo mundo ao seu redor.
Olá gente lindaaaa!!
Hoje eu vim falar de um livro que está bombando na blogosfera e que você precisam conhecer. Eu sei que já tem um zilhão de resenhas desse livro, mas não vou conseguir não falar sobre ele.

A história se passa em uma época medieval e nossa protagonista, Lia (que na verdade se chama Arabella Celestine Idris Jezelia) é uma jovem princesa de 17 anos e é uma Primeira Filha da Casa de Morrighan, o que é, por si só, uma responsabilidade tremenda, já que tradicionalmente todas as Primeiras Filhas possuem o Dom. Dizem que o dom aparece logo na puberdade, mas Lia não o possui e acredita que nunca irá. Não bastasse esse peso sobre suas costas, a fim de terminar com as guerras e disputas entre Morrigham e o reino vizinho, Dalbreck, o pai de Lia decide casá-la com o príncipe do tal reino. O problema é que Lia nem conhece seu futuro marido.
"Eu só tinha dezessete anos. Não tinha o direito de nutrir meus próprios sonhos para o futuro?" (página 15)