31 de janeiro de 2014

[ENCERRADA] PROMOÇÃO RELÂMPAGO: #UmContoDoDestino

Olá gente lindaaaaaa!!!!
Quem está louco para ler "Um Conto do Destino", que será lançado pela Editora Novo Conceito no dia 14 de fevereiro levanta a mão o/////



Para quem não sabe, o livro deu origem ao filme, que tem estreia prevista para o dia 21 de fevereiro. Confira o trailer abaixo!
              

Pois bem, você tem a chance de ganhar um exemplar antes mesmo do lançamento. 
Basta preencher o formulário abaixo e conferir o resultado no dia 3 de fevereiro, próxima segunda-feira.

a Rafflecopter giveaway

***
Boa sorte a todos!!

Beijos e amassos!! 

Autor Parceiro: Claudio Quirino

Olá gente lindaaaaaa!
Hoje venho falar ara vocês do mais novo autor parceiro do Confissões femininas..., o Claudio Quirino e seu livro, um chick-lit chamado "Um Novo Amor à Vista".

Cláudio Quirino

O autor é pernambucano e sua carreira literária gira em torno dos projetos com que está envolvido, como por exemplo, organizar antologias e seus próprios romances.
Seu romance de estreia chama-se "Como Amar em uma Semana" (Editora APED), apesar de ser declaradamente um autor policial.
Cláudio atua como colunista,  resenhista de livros nacionais (só eles!), contista e divulgador.
Seu livro mais recente é "Um Novo Amor à Vista", que já está disponível na Amazon por um precinho promocional imperdível. Porém, adquira logo o seu pois a promoção vai somente até o dia 2 de fevereiro.O link direto para adquiri-lo é: http://www.amazon.com.br/UM-NOVO-AMOR-VISTA-CHICK-LIT-ebook/dp/B00HQ05ST0

Sinopse: Ah, meu Deus, como eu vou cobrir todas as minhas dívidas do cartão de crédito? Minha primeira tentativa é a redução dos gastos desnecessários da lista de antigas prioridades – jóias, roupas de grife, acessórios e guloseimas. Obviamente não dará resultado. É claro que não dará certo!
Nenhuma mulher moderna que se preze pode sobreviver com pouca novidade no guarda-roupa, sem um bom emprego que sustente o seu luxo e, o melhor de tudo, sem um amor para chamar de seu – principalmente um que sempre traga mimos.
Quer dizer, nenhuma mulher consegue viver sem essas gracinhas, não é?
Eu poderia ter tudo, entretanto tenho um emprego que mal paga as minhas contas do mês, roupas fora de moda e meu apartamento está mais solitário do que nunca.
Greg, meu namorado, decidiu terminar o relacionamento de alguns meses.
E eu estou evidentemente perdida... e sofrendo por dentro.
Controle-se, Darla, não é o fim do mundo.
À essa altura, você já deve ter percebido o meu estado de animação e entusiasmo. Pode até rir. Minhas amigas comentam que eu preciso viver, do contrário ficarei deprimida. Ou encalhada. Não sei, acabei fixando na idéia inocente de liberdade, de consumismo e descobertas. E, paranóica e atrapalhada como sou, pode ter certeza de que uma aventura divertidíssima vem por aí.


****
O livro está disponível apenas na versão digital e é bem curtinho, tem apenas 115 páginas. Lerei em breve e posto resenha para vocês, ok?!

***
Beijos e amassos!!

30 de janeiro de 2014

Na Telinha ou na Telona... #26


Olá gente lindaaaaa!
Estou de volta das minhas curtas férias no sítio e venho falar para vocês de um dorama que assisti antes de viajar, o drama taiwanês “Channel-X”.
O dorama não é muito famoso (acho), tanto que quando encontrei por acaso online no Viki, procurei em outros blogs, sites e fansubs e não encontrei. Resultado: tive que assistir legendado em espanhol e em inglês.
Soube desse dorama através de um vídeo (OST) no Youtube quando estava pesquisando sobre o Joe Chang, o Zhi Shu de “It Started With a Kiss” e “They Kiss Again” e fiquei bem curiosa.
Confesso que apesar de ter gostado da atuação do Joe nesse doramas que citei acima, fiquei surpresa com o trabalho dele em Channel-X, foi interessante vê-lo em um papel mais caloroso, embora mais sofrido.
Vocês sabem que eu adoro doramas coreanos, mas nos últimos tempos eles estão me decepcionando um pouco por não apresentarem novidade nenhuma, são todos parecidos e previsíveis. Sem contar que os atores também são sempre os mesmos (ou sou eu que só assisto doramas com os mesmos... vai saber). Por isso, resolvi dar um chance aos doramas taiwaneses e, até o momento, eles não me decepcionaram.

Sinopse: Será coincidência que no dia em que um Zai Yong ( Joe Cheng ) , um respeitado âncora da BIGTV News, está prestes a expor um grande escândalo corporativo, ele é subitamente preso por matar sua namorada? Como seus colegas jornalistas cobrem a notícia de que o famoso âncora é o assassino da própria namorada, Zai Yong não só perde o emprego , mas também todos os seus amigos. O julgamento da mídia lhe custou sua carreira e, em sua hora mais sombria seu único aliado é seu inimigo, a repórter tablóide do Channel- X, Hong Xiao Lu . Juntos, eles irão longe para trazer a verdade à tona e limpar o nome de Zai Yong. Mas poderia Xiao Lu vir a ser o seu único aliado na investigação das acusações injustas para ajudar o nome de clara Zai Yong e provar sua inocência? "Channel -X " é um dorama de Taiwan dirigido por Feng Jiang Hong and Song Dong Ting que foi ao ar em TTV de dezembro de 2010 a abril 2011.

ELENCO PRINCIPAL: 

- Joe Cheng como An Zai Yong (âncora do BIGTV News; um dos únicos que não se deixa corromper e procura sempre dizer a verdade aos telespectadores);
- Amber Kuo como Hong Xiao Lu (repórter do Channel-X que, em um primeiro momento deseja destruir An Zai Yong por sua influência na mídia, mas que acaba conhecendo melhor o apresentador e percebe que ele não é uma 'maça podre';
- Ai Wei como Chen Jia Lin (novo dono e presidente do canal BIGTV; responsável por desastres ambientais em uma vila de pescadores e comprou o canal de TV para controlar as informações dadas pela mídia e encobrir seus crimes);
- Michelle Chen como Luo Shan Shan (ativista protetora do meio ambiente, noiva de An Zai Yong);

Minha opinião: Adorei!!

An Zai Yong é um famoso apresentador de um jornal de TV do canal de televisão Big TV. Sua namorada é uma ativista em defesa de uma vila de pescadores chamada Wan Bin. Atualmente Wan Bin está sofrendo os efeitos da poluição industrial causada por produtos químicos jogados no mar pela IPIC.
A fim de controlar a mídia e o que se refere à polêmica sobre a poluição causada pela empresa, e IPIC compra a Big TV. Não bastasse isso, a noiva de An Zai Yong é assassinada justamente no dia em que ele tem uma notícia bombástica sobre a IPIC para relatar aos telespectadores. Coincidência? O fato é que no meio do telejornal, Zai Yong acaba por transmitir sobre a morte da própria noiva. Ao vivo! Fiquei com tanta pena dele, gente! Sabem que é o principal suspeito? O próprio An Zai Yong. Ou seja, além de perder a noiva, ele acaba por ter a carreira arruinada também.
Em meio ao sofrimento, ele vai fazer de tudo para provar sua inocência e encontrar o verdadeiro assassino de Shan Shan.
Com a ajuda de Xiao Lu, uma repórter do Channel-X – um canal de notícias via internet – An Zai Yong vai tentar encontrar o assassino de Shan Shan, provar que a IPIC tem algo a ver com a morte dela e tentar desmascaram os causadores da poluição industrial que tem afetado tanta gente. A relação entre An Zai Yong e Xiao Lu, que no início do dorama queria destruir An, vai se aprofundando. Ele ainda sofre com a morte de Shan Shan e, por não ter família, se sente cada dia mais solitário. Ela, por sua vez, guarda seus próprios segredos e sofrimentos. A mãe morreu há dois anos, deixando-a sozinha, já que o pai nunca esteve por perto.
Gostei bastante da química entre eles, porém, notei uma mudança bem drástica em Xiao Lu do começo ao final do dorama. No início ela era forte, sagaz e determinada, no final ela acabou se tornando vulnerável, ingênua e dependente de An Zai Young. Zai Yong, por sua vez, me irritou um bocado por cair na conversinha fiada da ex-namorada Yi An. A víbora tem duas caras e quer fazer de tudo para manipular An Zai Yong e retomar o relacionamento terminado há tanto tempo atrás. Zai Yong também é impulsivo e acredita sempre no que não deveria, tento reações exageradas e impensadas.
Apesar de torcer para que ele percebesse que Xiao Lu estava apaixonada por ele, achei que ele aceitou a situação muito facilmente, pois apesar da carência que ele sente e da proximidade entre os dois, era de se esperar que ele guardasse luto por um tempo maior, principalmente se levando em conta o modo como Shan Shan morreu.
Achei o final corrido demais e, por toda a tensão presente ao longo do dorama, esperava um desfecho um pouco mais elaborado.
Entretanto, o dorama vale super a pena. Não espere muita melação e romance, pois, apesar de haver esses elementos, o dorama apresenta muito mais ação, intrigas e segredos perigosos. Super recomendo!

Quanto à trilha sonora, indico a música de abertura (que já dá para ter uma prévia da ação presente no dorama) Happy Armageddon (Anthony Neely),  The Last Embrace (Anthony Neely) e a música de encerramento de cada episódio, Amazing Grace (Olivia Ong).

Se quiser conferir esse dorama online (e tiver paciência para legenda em espanhol e em inglês), pode encontrar os 30 episódios no Viki.
****
Espero que gostem!!
Beijos e amassos!!

29 de janeiro de 2014

RESENHA: Zenith (Exodus #2)

Editora: Farol Literário
Autor(a): Julie Bertagna
Número de Páginas: 328


Sinopse: A natureza está por um triz... Após o sucesso de Exodus, Julie Bertagna dá sequência a esta fascinante história com Zenith, uma aventura apaixonante que faz refletir sobre os caminhos e descaminhos da violenta transformação da natureza pelo homem. Os inúmeros refugiados do barco quase não têm mais alimentos. Parece que o mar engoliu tudo, até as estrelas. O cenário é desolador: e se o mundo inteiro for mesmo só oceano?
As águas não param de subir, muita gente já morreu e os sobreviventes buscam apenas um lugar onde seja possível recomeçar. Instigada por um precioso livro, a jovem Mara conduz todos à Groenlândia: após o derretimento das calotas de gelo, haveria uma terra verdejante no topo do mundo?
Porém, a cidade flutuante de Pomperoy – um acampamento de barcos repleto de ciganos marginalizados – não estava nos planos de Mara e de sua tripulação. Quando os oceanos subiram e devastaram o planeta, a enorme quantidade de informações do mundo perdido foi armazenada no ciberespaço. Mara usa então seu ciberwizz – pequeno globo do tamanho de uma maçã – para entrar no mundo virtual em busca de ajuda. Nas ruínas abaixo da cidade celeste, o raposo tornou-se um traidor de seu povo: sim, ele planeja uma revolução.

Olá gente lindaaaa!
Hoje venho falar para vocês sobre o segundo livro da trilogia Exodus publicada pela editora Farol Literário. Quem leu minha resenha de “Exodus” sabe o quanto eu gostei do universo estupidamente chocante e perverso criado por Bertagna e, por esse motivo mergulhei em Zenith com expectativas altíssimas. Não posso dizer que me decepcionei, mas a história não seguiu bem o que eu esperava e o desfecho, em particular, me frustrou um pouco.

ATENÇÃO: Esta resenha apresenta spoilers do livro anterior (são poucos, mas estão presentes).
“É como se o mundo fosse um navio naufragado e tudo que restou fossem seus destroços.” (página 208)
Apesar de Mara ter seguido rumo ao norte longínquo em um navio branco com os Treenesters, os pivetes e alguns refugiados, deixando para trás o Raposo, escondido na torre da universidade no Mundo Submerso, eu nunca entendi isso como uma separação de verdade. Não sei por que, mas para mim era óbvio que era apenas uma questão de tempo para que os dois conseguissem ficar juntos...
Nessa nova aventura Mara enfrenta as intempéries do clima, que vai ficando cada vez mais gelado e agressivo. A convivência no navio não é a das melhores. As pessoas começam a brigar por água, comida e espaço e ela nada pode fazer. A única coisa que ela pode esperar é que o livro sobre a Groelândia esteja certo e haja terra no final de sua jornada. Seu único consolo é seu ciberwizz, que lhe proporciona alguns momentos com o Raposo, embora seja apenas virtualmente. Não é como se ele estivesse ao lado dela, nem nada, mas é uma forma de saber que ele sofre tanto quanto ela pela separação. Que sente a falta dela tanto quanto ela sente a dele.
“Ela espera um pouco, o estômago se revirando de medo. Como ele não volta, ela sai da Weave, desolada ao se dar conta de que é assim que vai ser. Toda vez em que se separarem nunca saberão se o outro está bem até se encontrarem novamente sobre a ciberponte.” (página 87)
Enquanto isso, o Raposo tenta pensar em alguma estratégia para mudar seu próprio mundo, o Mundo Novo, o Munno. A cidade celeste criada por seu avô que, ao mesmo tempo em que é o paraíso de alguns, é o pesadelo de outros.
A vida no Mundo Submerso não é nada fácil. Ele passa o dia todo tentando encontrar comida e alimentando o fogo que ao final do dia mal tem energia para o ciberespaço. Assim, sua estratégia de ataque (ou defesa) contra a cidade celeste não evoluiu muito. Em diversos momentos ele se pergunta se não seria melhor ter ido com Mara para o norte. Porém, ele precisa terminar o que começou quando ajudou mara e os refugiados a fugir: uma revolução.
“Acordado, pergunta-se se uma parte de si mesmo realmente não foi com ela – se a dor de sua partida não rompeu a ligação entre o ciber-raposo e o raposo de verdade, o que se chama David Stone. Talvez David esteja vivendo no topo do mundo com Mara. Talvez seja por isso que se sinta tão perdido e morto ali.” (página 274)
A história é contada em terceira pessoa, sob os pontos de vista do Raposo, no mundo submerso; Mara, no navio rumo ao norte; e Tuck, um cigano do mar.
Tuck é um personagem novo inserido na história apenas nesse livro e tem papel crucial no desfecho. Ele é um cigano do mar e mora em uma cidade flutuante formada por barcos no meio do oceano, Pomperoy. Ele tem sua vida miserável virada de cabeça para baixo quando um navio branco atropela sua cidade e acaba matando sua mãe. Um navio rumo ao norte. O navio de Mara.
****
Devo dizer que essa trilogia continua me chocando com sua crueza. As condições climáticas extremas e as consequências do derretimento das calotas polares são tão possíveis que eu chego a temer pelas próximas gerações se algo minimamente semelhante ao que ocorre na história criada por Bertagna realmente acontecer.
Embora eu realmente seja fascinada pela intensidade da escrita de Betagna que, retrata um universo perverso de forma crua e às vezes poética, não fiquei muito satisfeita com o modo como as coisas aconteceram. A narrativa, embora siga padrão da do primeiro livros, não foi tão fluída para mim. Talvez eu esperasse um pouco mais de ação, ou alguma reviravolta milagrosa que tirasse Mara e os refugiados das condições tão extremas em que se encontravam, e, acabei encontrando a descrição de dias e mais dias de frio, fome e incertezas. Achei que acabou ficando repetitivo e lento em demasia e, contrastando com a narrativa que se arrastou em alguns momentos, a última parte do livro, bem no final, avançou rápido demais. Contraditório assim. Não sei se o que mais me desagradou foi a lentidão do começo ou a rapidez do final.
Ainda assim, anseio desesperadamente ler o terceiro e último livro dessa trilogia. Sem dúvida é uma das minhas próximas leituras e.... esperem por uma promoção. ;)

Classificação:

***
Espero que gostem!!

Beijos e amassos!!

28 de janeiro de 2014

RESULTADO: Promoção "Adeus à Inocência"!!!

Olá gente lindaaaa!
Confiram o resultado de mais uma promoção que se encerrou na última semana.


Foram 441 entradas e o número sorteado foi: 332!!!


***
Parabéns Caroline Garcia!!

***
> Um e-mail será enviado para a ganhadora, que terá até sexta-feira para responder, caso isso não ocorra realizarei outro sorteio;
> O livro será enviado por mim em um prazo de até 30 dias.

***
Beijos e amassos!!

RESULTADO: Promoção " 3 anos de Confissões Femininas..."!!

Olá gente lindaaaaaa!
Ontem, dia 27 de janeiro, o blog completou 3 aninhos. Ebaaaaaa! o/
E quem ganha com isso são vocês, meu queridos leitores. Embora eu tenha postado a promoção de aniversário no início do mês e tenha viajado (e ficado sem internet) em seguida, não pude divulgar muito, o que significa que cada um de vocês que participou tem mais chances de ganhar (menos concorrência, né?! ahha).
Chega de papo furado e vamos ao que interessa!



Kit 1 - Claro que te amo + O Momento Mágico

Foram 184 entradas e o número sorteado foi: 139!!
***

Kit 2 - Ladrão de Almas + Refém da Obsessão

Foram 197 entradas e o número sorteado foi: 98!!

***

Kit 3 - Paperboy + Manuscritos do Mar Morto

Foram 145 entradas e o número sorteado foi: 135!!

***
Parabéns meninas!!!

***
> Um e-mail será enviado para cada uma das ganhadoras e elas terão até sexta-feira, 31 de janeiro, para responder; caso isso não ocorra, realizarei outro sorteio;
> Os livros serão enviados por mim em um prazo de até 30 dias.

**
Beijos e amassos!!

27 de janeiro de 2014

RESENHA: No Limite da Atração


Editora: Verus
Autor(a): Katie McGarry
Número de Páginas: 364

Sinopse: Ninguém sabe o que aconteceu na noite em que Echo Emerson, uma das garotas mais populares da escola, se transformou em uma “esquisita” cheia de cicatrizes nos braços e alvo preferencial de fofocas. Nem a própria Echo consegue se lembrar de toda a verdade sobre aquela noite terrível. Ela só gostaria que as coisas voltassem ao normal.
Quando Noah Hutchins, o cara lindo e solitário de jaqueta de couro, entra na vida de Echo, com sua atitude durona e sua surpreendente capacidade de compreendê-la, o mundo dela se modifica de maneiras que ela nunca poderia ter imaginado. Supostamente, eles não têm nada em comum. E, com os segredos que ambos escondem, ficar juntos vai se mostrar uma tarefa extremamente complicada.
Ainda assim, é impossível ignorar a atração entre eles. E Echo vai ter de se perguntar até onde é capaz de ir e o que está disposta a arriscar pelo único cara que pode ensiná-la a amar novamente. No limite da atração é um livro sexy e envolvente sobre o amor de duas pessoas que estão perdidas e que juntas tentam desesperadamente se encontrar.

Olá gente lindaaaa!
Ainda estou de férias, passando um tempinho no sítio da sogra e, sabem como é.... comendo, dormindo, lendo!
Dei uma escapadinha para dividir com você o que eu achei do livro “No Limite da Atração”.

Echo e Noah são duas pessoas completamente diferentes. E, ao mesmo tempo, tão iguais.
Echo é uma jovem que até pouco tempo atrás fazia parte do grupo popular do colégio. Linda, inteligente e talentosa. Porém, após o incidente, ela passou de garota popular à pária da escola. Está sempre com blusas de mangas longas e cabeça baixa. Seus braços são cobertos de cicatrizes, porém sua mente não passa de um buraco negro. Ela não se lembra de como conseguiu as cicatrizes, mas todos comentam nos corredores que ela tentou se matar. O que Echo mais quer é recuperar suas lembranças da noite que mudou sua vida tão completamente.
Seu pai é um dominador que não faz outra coisa a não ser exigir notas melhores, obrigá-la a refazer as provas e, ainda assim, nada nunca é o suficiente.
“Eu não sabia muito a seu respeito, além de que era discreta, inteligente, ruiva e tinha peitos grandes. Ela usava camisetas largas de manga comprida que caíam nos ombros e tops por baixo que revelavam apenas o suficiente para atiçar as fantasias.” (Noah – página 18)
Noah, por sua vez, era um astro do basquete, tinha uma família perfeita, mas após perder os pais em um incêndio e ter sido enviado para lares provisórios, sendo separado de seus dois irmãos mais novos, acabou se envolvendo com drogas e desistindo de tudo. Seu maior sonho: conseguir a guarda dos irmãos e manter o que restou de sua família reunido.
Tem fama de violento e de arrasar os corações das garotas. O encontros com o charmoso e perigoso Noah nunca duram mais que uma noite e nunca passam do banco traseiro de seu carro. Mas, em uma coisa todos concordam: Noah parece ser muito bom no que faz.
“Noah tinha músculos, boa aparência e confusão à volta. De alguma forma, ele fazia uma calça jeans e uma camiseta parecerem perigosas. Não que eu gostasse de drogados que usavam garotas. Ainda assim, dei mais uma olhada para ele enquanto dava um gole na minha bebida.” (Echo – página 27)
Apesar de os dois se conhecerem há algum tempo, nunca trocaram uma palavras. Eles nunca fizeram parte do mesmo grupo. Eles não tinham motivos para se misturar, para interagir. Até agora.
Fazendo parte do mesmo programa cobaia do colégio, em que têm que se consultar com a terapeuta do colégio, Echo acaba sendo monitora de Noah em todas as matérias. Claro que a relação não dá certo: Noah é um grosseiro, com um vocabulário sujos e uma aparência capaz de tirara a concentração de qualquer um; Echo é uma garota esquisita, mimada e com umas cicatrizes bizarras.
Porém, Echo precisa do dinheiro para terminar o concerto do carro deixado inacabado pelo irmão e, Noah precisa melhorar suas notas, senão nunca será capaz de conseguir a guarda de seus irmãos.
“- Nunca fica melhor – eu disse. – A dor. As feridas cicatrizam e você nem sempre sente que tem uma faca atravessando seu corpo. Mas, quando você menos espera, a dor aparece pra te lembrar que você nunca mais será a mesma.” (Noah – página 74)
Com o passar do tempo, eles param de apenas se suportam e passam a ser amigos..... ou algo mais. Eles sabem que existe atração entre eles, mas nunca dariam certo. Devem se limitar a se ajudar mutuamente no que se refere a obter informações dos arquivos de sua terapeuta.
****
Sabe quando você demora um tempo DESNECESSÁRIO para finalmente decidir ler um livro e quando termina a leitura pensa: "por que eu não li este livro antes?"? Foi o que aconteceu comigo ao terminar de ler "No Limite da Atração".
Ao mesmo tempo em que me interessei pelo livro logo que foi lançado pela Verus, eu acreditava que seria mais do mesmo, por isso fui adiando a leitura. Porém, encontrei dois jovens sensíveis e fortes. Ambos com cicatrizes, seja por fora ou por dentro e, ainda assim, seguindo adiante da melhor forma possível.
Me apaixonei por Noah, o cara durão, drogado e briguento que esconde um coração enorme e um amor incondicional pelos irmãos, tudo o que restou de sua família. Já Echo.... desabrocha a cada capítulo. Não sei se teria a coragem e a força dela diante do julgamento, das especulações e olhares de todos no colégio. Duas pessoas tão diferentes e que se completam de uma forma tão natural. O livro não é mais do mesmo. Ele é mais. Simples assim.

Classificação:

***
Espero que gostem!!


Beijos e amassos!!

RESULTADO: Promoção "Por um Ano Novo mais Feliz!!"

Olá gente lindaaaa!!
Como a primeira sorteada da promoção "Por um Ano Novo mais Feliz" não se manifestou (em mais de 20 dias), realizei outro sorteio. Confiram!


Foram 750 entradas e o número sorteado foi: 20!



Parabéns Erika Guitierrez!!

***
> Um e-mail será enviado para a sorteada e, se não for respondido em 3 dias, realizarei outro sorteio;
> Os livros serão enviados por mim em um prazo de até 30 dias.

**
Beijos e amassos!!

22 de janeiro de 2014

Confidentes!! #11

Olá gente lindaaaa!!!
Conheçam algumas pessoas sortudas que ganharam promoções aqui no blog!


Camila Oliveira
Ganhou a promoção: Toda hora é hora de romance
Prêmio: livros "A Pousada Rose Harbor", "Um Porto Seguro" e "Um Ano Inesquecível".


 ***
Michelli Santos Prado
Ganhou a promoção:
Bruxos e Bruxas + Indomável
Prêmio: kit do livro "Bruxos e Bruxas" e um exemplar do livro "Indomável".



***
Giselle de Oliveira
Ganhou a promoção:
Karen White na minha estante
Prêmio: um exemplar do livro "Após a Tempestade" e um kit do livro "De Volta para Casa".


***
Silvana Crepaldi
Ganhou a promoção:
Toda hora é hora de romance
Prêmio: um kit do livro "Entre o Amor e a Paixão".


***
 Edna Valessa Moretto Dias
Ganhou a promoção: Cidades de Papel
Prêmio: um exemplar do livro "Cidades de Papel".


***
Quer ter sua foto exibida entre os ganhadores? Então fique de olho nas promoções que estão rolando no blog e BOA SORTE!! ;)

***
Beijos e amassos!!

19 de janeiro de 2014

Filtrando os sonhos...

Olá gente lindaaaa!
Quem aí nunca ouviu falar no famoso apanhador de sonhos? Pois bem, apesar de saber o básico, que ele é capaz de espantar sonhos ruins e deixar passar apenas o sonhos bons, poucas pessoas se interessam em procurar sua origem e significado.
Confesso que nunca fui muito supersticiosa nem acredito muito nessas coisas, mas de uns tempos para cá desenvolvi um certo fascínio por esse objeto lendário, por isso resolvi pesquisar e dividir algumas informações com vocês.
 

Existem várias versões sobre a origem do Apanhador de Sonhos, do inglês dreamcatcher (também conhecido como "Espanta Espíritos", "Pegador de Sonhos", "Filtro dos Sonhos e "Caçador de Sonhos"), mas a maioria faz referência à tribro de índios americanos Ojibwa, porém pela tradição oral, os detalhes da lenda foram se perdendo.  Para este povo, conseguir decifrar mensagens e revelar sonhos tinha uma grande importância durante a passagem pela terra, e por isso a teia dos sonhos era essencial. 
Diz a lenda que antigamente havia duas tribos em guerra. A raiva e o rancor gerou energias desarmônicas, que faziam com que as crianças tivessem pesadelos. A grande mãe búfala (em algumas versões faz-se referência a uma aranha) desceu à terra e pediu ao xamã da aldeia que fizesse um aro com um galho de salgueiro Os bons sonhos sabiam para onde ir, passando pelo furo central. Aos primeiros raios de sol, as energias ruins se dissipavam.
Acreditava-se que no cair da noite o ar se carregava de energias – sonhos e pesadelos, ambos trazendo mensagens –, e a ferramenta mística feita artesanalmente com objetos da natureza filtrava o ar, deixando que os sonhos bons pudessem passar e prendendo as ruins na “teia”.
Na confecção dos Apanhadores de Sonhos, além do aro (originalmente de salgueiro), no qual é tecida uma rede em forma teia de aranha, há diversos materiais, tais como camurça, couro ou outro tipo de pele, penas, plumas, etc., além da decoração com miçangas, contas, conchas, estrelas do mar, e outros objetos pessoais ou sagrados. As penas utilizadas não são aleatórias ou mera decoração, elas representam o amor, a doçura e a proteção, por isso o Apanhador de Sonhos deve ser colocado no quarto de dormir e pendurado sobre a cama ou na parede junto à mesma.



Bem, eu faço questão de ter o meu próprio apanhador de sonhos e.... funcionando ou não, ele continua pendurado acima da minha cama. ;)


E.... no meu exemplar de "Destrua este Diário", já tratei de desenhar um Apanhador de Sonhos também. O que acharam?


****
Beijos e amassos!!

16 de janeiro de 2014

Na Telinha ou na Telona... #25

Olá gente lindaaaa!
Como eu havia dito na semana passada (AQUI!), hoje vou falar sobre They Kiss Again, a segunda temporada da versão taiwanesa de Itazura Na Kiss.
Em alguns aspectos, a versão taiwanesa é mais fiel ao anime que a versão coreana, mas também há algumas diferenças que deixa tudo mais engraçado.


Sinopse: Mesmo depois do casamento, Xiang Qin e Zhi tem problemas, e interferências... Ambos Xiang Qin e Zhi Shu estão na escola de medicina para estudar enfermagem e medicina, respectivamente. Durante esse tempo, Zhi Shu consegue novos rivais que tentam superá-los e Xiang Qin faz quatro novos amigos e um deles, Yang Qi Tai, fica atraído por Xiang Qin e quer substituir Zhi Shu lugar no coração de Xiang Qin.
Curiosamente o frio Zhi Shu através de atos discretos  mostra o grande amor que ele tem por Xiang Qin!
P.S.: Sinopse retirada do blog Pé na Ásia Doramas.


ELENCO PRINCIPAL:

- Ariel Lin como Yuan Xiang Qin (garota da classe F - a pior classe do colégio - apaixonada/obcecada por Zhi Shu);
- Joe Cheng como Jiang Zhi Shu (garoto mais inteligente e popular do colégio e, por isso é bastante frio e arrogante);
- Jiro Wang como Jin Yuan Feng (amigo de Xiang Qin, também da classe F e nutre um amor nada secreto por ela);
- Petty Yang como Lin Chun Mei (amiga de  Xiang Qin);
- Candice Liu como Liu Ya Nong (amiga de  Xiang Qin);
- Tiffany Hsu como Pei Zi Yu (garota inteligente e popular, apaixonada por ZhiShu e a primeira rival de Xiang Qin).

Minha opinião: Amei!
Com certeza essa segunda temporada é pura fofura e, sem dúvida, é razão de eu ter gostado tanto dessa versão. Apesar de ter gostado da primeira temporada, os acontecimentos são previsíveis pois são semelhantes aos da versão coreana e do anime, mas essa segunda temporada é suuuuuper fofa.

Zhi Shu e Xiang Qin estão casado, mas nem tudo são flores. Zhi Shu não é o marido meloso que ela esperava, mas suas raras demonstração de amor são de derreter o coração de qualquer um.
Após uma Lua de Mel quase totalmente arruinada por uma garota que se encantou por Zhi Shu, o casal precisa voltar para casa e retomar suas vidas (faculdade, etc.).
O cara continua sendo o gênio da universidade enquanto Xiang Qin continua não levando jeito para os estudos. Mas ela está decidida a ser o braço direito de Zhi Shu e ajudá-lo da melhor forma possível: sendo enfermeira, já que o marido será um grande médico.

Gente, não sei se é porque a segunta temporada foi gravada uns dois anos após a primeira, mas nem achei mais a atriz que interpreta a Xiag Qin tão estranha, pelo contrário, ela está bem fofinha em They Kiss Again. O Joe então, nem se fala.... está suuuuper gato!
Preciso dizer que a química do casal deu super certo. Os beijos e as cenas hot são bem melhores que a versão coreana, nada daqueles selinhos sem sal. 
Xiang Qin continua atrapalhada, insegura e correndo atrás de Zhi Shu dia e noite. Porém, uma coisa eu tenho que admitir, ela é bem esforçada e determinada e o método de Zhi Shu para incentivá-la, apesar de ser irritante e parecer insensível, é bem eficiente. Ele vive dizendo pra ela desistir, porque ela não vai conseguir e etc, mas com a intenção de fazê-la fazer justamente o contrário.
O casal passa por poucas e boas nessa temporada. Xiang Qin tem que enfrentar muitas provações e acaba crescendo muito. Ao mesmo tempo em que ela vai ficando mais forte, embora continue louca
por Zhi Shu, ele vai amolecendo um pouco. Esse 'amolecimento' é lento. Como ele sempre foi um cara fechado ao extremo, não é fácil vê-lo expressando ou demonstrando seu amor por Xiang Qin. O que mais me irrita (nessa versão, na coreana e no anime) é o quanto a garota se humilha por um pouquinho de atenção do marido. Se fosse eu, faria TUDO de forma diferente (e talvez não conquistasse Zhi Shu).
Uma coisa que eu gostei bastante nessa versão é que tem toda a cena de ciúme retratada no anime. Joe soube muito bem me deixar "P" da vida com ele. Soube ser frio, arrogante e indiferente no momento em que seu coração estava se contorcendo de ciúme. (só esperava um pouco mais de sua declaração na cantina, mas...).
O casal me ganhou. ^^
Outros personagens tiveram papel importante nessa temporada. A inglesinha continua apaixonada por  Jin Yuan, que não dá o braço a torcer. 
Adorei os amigos da turma de enfermagem de Xiang Qin, a garota doce que adora ver sangue, a garota que só pensa em casar com um médico, o garoto apaixonado por Zhi Shu e o garoto apaixonado por Xiang Qin, Dá pra imaginar a confusão dessa turma, né?!
Outro ponto positivo do dorama é a passagem do tempo. Acompanhamos o crescimento irmão de Zhi Shu, do cachorro da família....
Acompanhamos a jornada de Xiang Qin fazendo estágio em um hospital e tocando o terror para os paciente hahah. Realmente divertido e fofo!
Agora, cá entre nós, o final do dorama me deixou feliz, emocionada e frustrada: feliz por que foi um final feliz; emocionada porque bem no final do dorama finalmente conhecemos o coração de Zhi Shu e vamos às lágrimas (assistir o último episódio umas cinco vezes! hahaha): e frustrada porque eu queria muito mais!

Se quiser conferir, o Fansub Banzai Dramas tem o dorama completinho para download (mas precisa fazer cadastro). Ou, para quem prefere assistir online, pode conferir 14 dos 20 episódios legendados no blog Our World.

Quanto a trilha sonora, destaque para as músicas: Be Your Superman (Chun Biao Yan) e You (Ariel Lin, atriz que interpreta Xiang Qin).

****
Espero que gostem!!

Beijos e amassos!