15 de agosto de 2016

RESENHA: Tá Todo Mundo Mal: O Livro das Crises

Editora: Companhia das Letras
Autor(a): Jout Jout
Número de Páginas: 200

Sinopse: Do alto de seus 25 anos, Julia Tolezano, mais conhecida como Jout Jout, já passou por todo tipo de crise. De achar que seus peitos eram pequenos demais a não saber que carreira seguir. Em tá todo mundo mal, ela reuniu as suas "melhores" angústias em textos tão divertidos e inspirados quanto os vídeos de seu canal no YouTube, "Jout Jout, Prazer".
Família, aparência, inseguranças, relacionamentos amorosos, trabalho, onde morar e o que fazer com os sushis que sobraram no prato são algumas das questões que ela levanta. Além de nos identificarmos, Jout Jout sabe como nos fazer sentir melhor, pois nada como ouvir sobre crises alheias para aliviar as nossas próprias!

Olá gente lindaaa!
Hoje é dia de conferir mais uma resenha da nossa querida Lays Garcia. E já que ainda há taaaanta polêmica envolvendo livros de Youtuber, bora saber o que ela achou do livro da Jout Jout!

***
Depois de muito tempo decidi ler um livro que não era um romance literário, nem um livro que estava na minha fila de desejados. Por indicação de uma amiga comecei a ler “Tá todo mundo meio mal” da Youtuber Jout Jout. Caso você esteja lendo essa resenha e não saiba quem é a Jout Jout, permita-me apresenta-la: Julia Tolezano tem um canal no Youtube que fala sobre crises (e outras coisas rsrs); ela ficou mega famosa depois de gravar um vídeo sobre relacionamento abusivo, que se intitula “Não tira o batom vermelho”.
Enfim, eu mesma não a conhecia muito bem, acho que tinha visto uns 3 vídeos dela no máximo, e quando comecei a ler o livro pensei “ela é fo$#!”. Não porque o livro tem uma escrita elaborada, nem porque ela é uma deusa da literatura, e sim porque ela fala sobre crises, crises reais, crises que TODO MUNDO tem!
“A gente, ingenuamente, pensa que, quando conseguimos algo que queremos muito (ou imaginamos querer muito), tudo se encaixa e será bonito e colorido. Não é bem assim.”
O livro reúne uma coletânea de crônicas que contam as crises pessoais da Julia, e por mais incrível que pareça, cheguei a conclusão de que essas crises não tão pessoais assim, já que eu mesma me identifiquei com várias, e lembrei das minhas amigas que também passaram por diversas situações parecidas.  Quem nunca se viu diante de questões como: “Qual profissão devo escolher? Por que não tenho nenhum talento especial? Por que estou em um relacionamento que me faz mal? Por que me sinto culpada por tudo que acontece comigo?” Sim, todas as pessoas no mundo já passaram por alguma dessas crises e se sentiram culpadas por não saber lidar com elas.
“Expectativa demais é um jeito bom de se alcançar a culpa. Porque você nunca vai conseguir ser tão maravilhosa quanto a expectativa sugere que você é, então sempre vai acabar em decepção, e a decepção, em culpa.”
De um jeito leve e bem humorado Jout Jout nos ensina a enxergar, lidar e superar os diversos conflitos que enfrentamos ao longo de nossas vidas. O livro é tão gostoso de ler, tão descontraído e tão “íntimo” que em alguns momentos a gente se sente amiga dela e percebe que, simplesmente, as crises fazem parte da vida.
“Sem crises, parece que você não se transforma. E, se você não muda, você para.”
Eu indico a leitura. Acho que todas as garotas precisam ler esse livro para encarar de um jeito diferente as inúmeras crises existenciais que surgem em todas as fases da vida.

Classificação:
***
Esperamos que gostem!!

Beijos e amassos!!

Nenhum comentário

Postar um comentário

Adoro saber a sua opinião. ^^ Deixe um recadinho com sua sugestão e faça uma blogueira feliz! :)