25 de junho de 2018

RESENHA: Senhorita Aurora

Editora: Verus
Autor(a): Babi A. Sette
Número de páginas: 342
Compre aqui!

Sinopse: Nicole é uma jovem bailarina e está prestes a realizar seu sonho: estrear no papel principal em uma peça na Companhia de Ballet de Londres. Tudo estaria perfeito se não fosse pela presença de um dos seus diretores, o temido Daniel Hunter, um maestro prodígio de temperamento difícil, com um humor sombrio e que desperta em Nicole sentimentos contraditórios. 
Quando uma tempestade de neve isola os dois em uma mansão centenária, Nicole e Daniel serão obrigados a encarar não apenas os segredos que atormentam o maestro, mas também uma paixão proibida — e avassaladora — que nasce entre eles. Entre a tão sonhada carreira na dança, um amor intenso como ela nunca sentiu e a própria segurança, Nicole se verá diante de escolhas que parecem impossíveis. E caberá a ela resgatar Daniel de seu próprio passado...
Senhorita Aurora é um romance poderoso, tocante e perturbador, que mostra que todos merecem uma segunda chance, até mesmo alguém com fama de monstro.
Olá gente lindaaa!
Hoje vim falar, mais uma vez, de "Senhorita Aurora", da querida Babi A. Sette. Eu já resenhei o livro aqui no blog, em 2016, quando a autora resolveu lança-lo no formato eletrônico de forma independente na Amazon. E você nem imaginam minha felicidade em poder reler essa história tendo o livro no formato impresso em mãos. Só amor pela Babi A. Sette e pela Verus Editora, por essa edição linda. ❤❤❤❤❤

Após vários anos dançando horas e horas por dia, Nicole Alves finalmente tem seu maior sonho realizado: fazer parte da Companhia de Ballet de Londres. Perece um sonho finalmente ter se tornado um "anjo", como ela via seus ídolos da dança, quando era criança.
Mas as coisas não são fáceis, ela ainda precisa dar o sangue em nome da dança, dedicando horas sobre as sapatilhas de ponta, ensaios exaustivos e... tudo isso sob o comando de seu diretor Sr. Evans e o irritadiço, troglodita Daniel Hunter, famoso maestro que foi convidado a ajudar na produção de "A Bela Adormecida", em que Nicole interpreta a princesa Aurora.
Além da barba enorme (uma enorme "cabeleira facial", na palavra de Nathy, melhor amiga de Nicole), o estilo "motoqueiro malvado", da cara de poucos amigo e do estranho hábito de chamar todos os bailarinos pelo nome de seus respectivos personegns, o Sr. GATO Hunter é movido a gritos e palavrões em francês. Super agradável.
"O sr. Hunter me encarava sem piscar, com uma expressão tão fechada que senti como se as mãos dele apertassem meu estômago. Soltei o ar devagar e olhei para baixo. Tentei voltar a atenção para o discurso do sr. Evans." (página 45)
Mas alguns acontecimentos fazem com que Nicole comece a vislumbrar um lado (ou vários lados) diferente do sr. Hunter-fodedor-de-sinfonias, deixando-a cada vez mais curiosa em relação ao maestro, além de atraída por ele como uma mariposa é atraída pela luz. E as coisas começam a tomar um novo rumo quando Nicole vai até a mansão do maestro, a TRÊS HORAS de Londres para entregar a pasta que Daniel Hunter esqueceu no ballet (SPOILER: após uma chocante e dolorosa crise de choro presenciada por Nicole). O que (em condições normais de temperatura e tempo) seria uma coisa rápida, apenas entregar a pasta, dar meia volta e ir embora, acaba se tornando alguns dias presa em uma mansão com um gato louco maestro misterioso. Por conta de uma forte nevasca, Nicole é obrigada a ficar hospedada na casa de Daniel Hunter, que lhe mostra outros lado mais. Que a atrai e a assusta ao mesmo tempo.
"-Mantenha-se longe. Se você sente medo, escute os seus instintos, porque eles têm um motivo certo para isso.
Então ele virou, com seus olhos escurecidos, o rosto transfigurado de emoções conturbadas, em um misto de ódio e dor.
- Vá embora, srta. Aurora, suma daqui!"
(página 101)
A partir daí a relação entre maestro e bailarina começa a ficar ainda mais complicada. É impossível manterem-se afastados, mas também é impossível ficarem juntos. E o fato de Daniel ser um maestro famoso e um dos diretores do ballet em que Nicole atuará como bailarina principal pela primeira vez não é o único motivo que os separa. Daniel carrega muitas dores escondidas, e parece ter um segredo tão terrível, que o faz ter certeza de que Nicole não ficará ao seu lado quando souber. E ele pretende revelar esse segredo, expor suas dores e seu passado quando as apresentações terminarem.
"- [...] Falando assim, até parece que você tem o dobro da minha idade.
- Às vezes é como me sinto.
- Velho?
Ele respirou fundo.
- Não... Cansado."
(página 119)
É delicioso e doloroso acompanhar o desenrolar dessa história, compreender as inseguranças de Nicole em relação aos reais sentimentos e às reais intenções de Daniel. Do mesmo modo, ao conhecermos a história de Daniel (e ver que todas as suposições mais loucas de Nicole não parraram nem perto da verdade), sofremos com ele. E sofremos com Nicole. E torcemos para que tudo dê certo entre eles, para que ambos sejam felizes.
"- Você pode continuar fingindo ser esse monstro pelo tempo que quiser - falei, decidida -, até ajustar o que quer que precise ser calibrado aí dentro. Eu sei bem o que você está tentando fazer e, não, não vou sair correndo daqui como da primeira vez, ou como todos fazem quando acham que você é um maluco psicótico, obcecado pela morte. Nesses poucos dias, eu vi ao menos uma parte sia e... você não vai me fazer mudar de ideia, seja lá o que isso signifique." (página 143)
Ahhhh, como eu amo esse livro, esse casal, essa história, essa autora MARAVILHOSA!
Só posso recomendar esse livro mil vezes. Acho que o mundo precisa de mais "Senhorita Aurora" por aí, de mais informação e menos julgamento e/ou preconceitos. Eu reli, (re)amei e me emocionei como se estivesse lendo pela primeira vez. E que venham mais livros da Babi A. Sette pra aquecer meu coração e me deixar com borboletas no estômago como boa canceriana que sou. ❤❤❤❤❤
Ah, não posso deixar de mencionar que cada capítulo traz um trecho de uma música no início, pra termos uma pequena sugestão do que nos espera. E a playlist completinha vocês conferem AQUI.
"Ninguém fica forte por acaso: a vida te lança desafios e você escolhe se vai deixar que elas te atropelem ou se vai passar por cima deles." (página 242)
"Talvez o segredo não esteja em esquecer uma desilusão, uma perda, um 'não' da vida, algo que traz dor, e sim em colocar esperança nos espaços vazios deixados pelo que se foi e, quem sabe, dar outro significado às perdas." (página 326)
***
Classificação: 
***
Espero que gostem!!

Beijos e amassos!

Nenhum comentário

Postar um comentário

Adoro saber a sua opinião. ^^ Deixe um recadinho com sua sugestão e faça uma blogueira feliz! :)