14 de janeiro de 2015

RESENHA: A Verdade sobre Nós

Editora: Intrínseca
Autor(a): Amanda Grace
Número de Páginas: 208

Sinopse: Madelyn Hawkins está cansada. Cansada de ser sempre perfeita. Cansada de tirar A em tudo. Cansada de seguir à risca os planos que os pais fizeram para ela. Madelyn Hawkins está cansada de ser algo que não é, algo que não quer ser. E então ela conhece Bennet Cartwright. Inteligente, sensível, engraçado. A seu lado, ela se sente livre e independente. Uma história que poderia muito bem ter um final feliz, não fosse por um detalhe: Maddie tem apenas 16 anos, e Bennet, além de ter 25 anos, é seu professor. Pressionada pelos pais a participar de um programa para jovens talentos, Maddie pula dois anos do Ensino Médio e vai direto para a faculdade, onde conhece e se apaixona pelo professor de biologia. O sentimento é recíproco, e para dar uma chance àquele novo relacionamento que lhe faz tão bem, ela decide não contar para Bennet sua idade. Não demora muito para que as coisas comecem a dar errado, e as consequências da farsa de Maddie ganham contornos devastadores quando a verdade vem à tona.

Olá gente lindaaa!

Desde o lançamentos desse livro eu fiquei suuuuper curiosa, tanto pela capa LINDA, quanto pela sinopse. 
Qualquer semelhança com a minha vida é mera coincidência. Para quem ainda não sabe, eu namoro há 8 anos o meu ex-professor de química do colegial e, quando tudo começou eu tinha 16 anos e ele é 13 anos mais velho que eu. Por isso fiquei curiosa para saber como os personagens do livro lidariam com a diferença de idades e o fato Bennet ser professor da Madelyn. Mas a semelhança entre o livro e minha vida parou aí... desde o começo do meu namoro sempre houve muita sinceridade e clareza em relação a nossa idade (quer dizer, no início ele dizia ter um ano a menos. Como se isso fosse fazer alguma diferença!). No caso de Madelyn e Bennet, uma mentira ou omissão foi levando à outra e a coisa toda fugiu do controle.
"Eu me sentia uma criança. E a parte triste disso tudo é que, de acordo com a polícia, é isso mesmo que sou. Então, talvez eu devesse ter dado ouvidos a meus instintos. Se eu tivesse agido da forma como me sentia, você saberia a verdade. Teria percebido a um quilômetro de distância e ficaria mexendo em seu MacBook sem me olhar nos olhos e sorrir daquele jeito que faz seus calorosos olhos azuis se apertarem." (página 9)
O livro é narrado na forma de três grandes cartas escritas por Madelyn para Bennet após tudo dar errado. Desde o início sabemos que as coisas não terminaram bem e ficamos curiosos para saber como tudo aconteceu. Vamos conhecendo os detalhes aos poucos através da narrativa de Madelyn, um misto de arrependimento, culpa e saudade. A narrativa é fluida e o modo como cada novo detalhe é inserido à história é bastante instigante, mas confesso que me decepcionei um pouco.
Madelyn sempre foi a garota perfeita, a garota modelo, mas ao entrar na faculdade em um tipo de programa que permite que ela conclua o Ensino Médio através de disciplinas da faculdade, e conhece o jovem professor de biologia, Bennet Cartwright, algo dentro dela muda. Ela quer ser diferente, quer ser mais do que a garota perfeita com o futuro pré determinado pelos pais. Ela quer ser ela mesma. Ela quer ser quem ela é quando está com Bennet.
As leis locais em relação a menores de idade não ficaram muito claras, por isso achei tudo meio exagerado. Tanto o fato de Madelyn esconder sua verdadeira idade até ser "tarde demais" quanto o que aconteceu depois. Não achei o Bennet muito nobre (embora ele tenha sua parcela de razão). Mas, vamos combinar, gente: tudo o que começa mal, apoiado em mentiras, não tem como acabar bem, né?!
E mesmo sabendo desde o início que as coisas tinham desandado, afinal o livro é uma carta cheia de culpa escrita por Madelyn, ansiei não apenas por saber o que havia acontecido (como havia acontecido), mas também por uma luz no final do túnel.
"Sabe, Bennet, o triste em relação a expectativas é que se você as frustrar (um pouco ou completamente, não importa) decepcionará as pessoas." (página 56)
***
O livro é clichê, sim. Mas o modo como tudo é abordado, o fato de ser em primeira pessoa, através de cartas e "de trás para frente" faz toda a diferença. Confesso que achei a protagonista dramática demais. Claro que é justificável, mas a garota é bem melosa, viu?! (o que é desculpável se levarmos em conta a idade da personagem, né?!). Gostei bastante da química do casal, e achei o final ao mesmo tempo libertador (para os personagens) e frustrante (pra mim e para os personagens. Rs).
Eu recomendo a leitura, pois é super agradável e é fácil se identificar com a história (mesmo que não haja tantas semelhanças com sua vida como no meu caso). Afinal, que garota nunca teve uma paixonite por algum professor, né?! rs 

Classificação:

***
Espero que gostem!!

Beijos e amassos!!

13 comentários

  1. Ola Amanda já li algumas resenhas positivas e outras não sobre o livro, e confesso que ainda não tenho vontade de ler, o fato de a protagonista mentir idade, ser melosa demais e imatura não me conquista . Vou deixar para ler em outro momento. A capa realmente é muito linda . beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  2. Oooi,

    Eu não li ainda, mas já li varias resenhas sobre esse livro. Infelizmente, eu nunca me apaixonei por professor :( :( não sei como´é isso :( HSUAHUSHAUHS

    Gostei de saber sua opinião, eu estou numa fase de ler romances e confesso que sou apaixonada por clichês e acho que contando a idade da personagem as atitudes são compreensiveis.

    Goste da resnha e espero ler em breve!


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  3. Oi! Esse foi a minha primeira leitura de 2015 e até agora não consegui falar sobre esse livro. Estou em um misto de amor e ódio com ele. Gostei bastante a premissa, mas eu sinto como se durante toda a narrativa algo ficou faltando, talvez por ser em forma de cartas... Não me conectei com Bennet, e por diversos momentos senti raiva da personalidade da Madelyn.
    Achei bacana a sua história com seu marido :) que bom que deu tudo certo
    Beijos.
    Blog Cantar Em Verso

    ResponderExcluir
  4. Eu sempre leio livros direcionados para um público mais jovem, com protagonistas com 16 anos. Mas é muito irritante aturar protagonistas melosas (acontece quase sempre).
    Essa questão de professor com aluna menor tem questões éticas envolvida e vele muita a discussão.

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi Amanda, tudo bem?

    Concordo com vc. O livro é um pouco clichê, mas é muito bom. Adorei a leitura e como le é fininho, isso super facilita.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  6. O seu relacionamento com um ex- professor acho que é o único que conheço que deu certo! Mas relacionamentos com diferença de idade conheço vários. Mas no caso do casal aí do livro, eu concordo - o que começa mal, apoiado em mentiras, não tem como acabar bem. Gosto quando a narrativa é feita por cartas, mas só 3 cartas acho que não vou curtir muito. E nunca tive uma paixonite por um professor! Hehe... Talvez eu leia o livro, mas não tenho pressa para isso.

    Beijo.

    Ju - Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  7. Oi Amanda, tudo bem?
    Esse é um assunto difícil por si só, então, não enfrentar a questão com verdade só irá magoar a todos e pela forma como o livro começou, acho que foi o que aconteceu. Dependendo da forma como se desenvolver, pode trazer consequências legais. Ele pode ter a vida destruída, inclusive.
    Como você não disse o que aconteceu, risos..., não consigo opinar. Então, daria uma oportunidade para descobrir porque eles se separaram.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Eu já me peguei querendo muito esse livro e logo depois não querendo tanto assim.
    Não tenho nada contra o clichê do livro - adoro histórias clichês - e o fato de começar de trás para frente também eh interessante. afinal de contas já sabemos aquilo que vai acontecer, então a autora tem que ser bem boa para nos prender a história. Mas sei lá.. são apenas três cartas né? fico com receio de tudo ser muito seguido.
    mas que bom que você gostou. Ver resenhas positivas sempre me animam =)

    Beeeijinhos ;*
    Andressa - Mais que Livros

    ResponderExcluir
  9. Oi Amanda.
    Que bacana sua história, que bom que deu certo, a diferença de idade pra alguns podem não ser nada, mas pra outros causam grandes problemas.
    Sua resenha me deu uma outra visão sobre essa história, li uma outra opinião bem desanimadora.
    Não me importo com o clichê, se o enredo convence e foi bem desenvolvido, eu considero.

    Beijos.
    Leituras da Paty


    ResponderExcluir
  10. Oi Amanda.... perplexa aqui... 13 anos mais velho que você... oh lord... nada contra é claro... acho que quando se há amor... idade não faz a menor diferença... rs... Não imaginava só isso... concordo... que tudo que começa mal acaba mal ainda mais com a mentira... não sei quem mentiu... transpareceu que foi a protagonista.... porém o livro não me cativou... acho que ando meio antipática com escolhas de livros... Xero!!

    ResponderExcluir
  11. Se não me falha a memória, essa é a primeira resenha positiva que leio. Sempre vejo as pessoas criticando o livro, dizendo ter se decepcionado com a história e tal.
    Eu nunca tive paixonite por professor, justamente por isso fiquei impressionada com sua história (realmente 1 ano não faria muita diferença. rs).
    Gosto de histórias complicadas, em que as mentiras são praticamente protagonistas. E fiquei curiosa com esse final frustrante e libertador.
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  12. Olá! Essa é a primeira resenha que leio desse livro e simplesmente amei a proposta que o livro oferece e a capa é realmente linda!
    Ótima resenha!
    xoxo
    http://www.bookmore.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá Amanda!
    Eu sempre vejo esse livro nas redes sociais e acho a capa linda. Não conhecia a história e gostei bastante do enredo. Fiquei curiosa pra saber o que acontece com os personagens. Adorei a sua resenha. Já anotei a sua dica.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Adoro saber a sua opinião. ^^ Deixe um recadinho com sua sugestão e faça uma blogueira feliz! :)