26 de abril de 2018

Na Telinha ou na Telona... #121

Olá gente lindaaa!!!
A indicação de dorama da semana é o fofíssimo "Radio Romance" (Romance de rádio), que foi exibido de 29 de janeiro a 20 de março de 2018, pela emissora sul-coreana KBS2. E, vou logo dizendo que o que me motivou a assistir esse dorama foi a vontade de rever Yoon Doo Joon, que conquistou meu coração no mini drama "Splash Splash Love". Me julguem!

Sinopse: Soo Ho é um grande ator com uma carreira brilhante. Ele estreou ainda criança, e já muito novo percebeu que, para fazer sucesso, precisava esconder seu verdadeiro eu por trás de uma máscara. Geu Rim é uma jovem e apaixonada roteirista de um programa de rádio. Ela é uma mulher com iniciativa e ímpeto. Seus fortes são pensamento positivo e obstinação. A história deles começa quando Geu Rim escala Soo Ho para o seu programa.
ELENCO PRINCIPAL:

- Yoon Doo Joon como Ji Soo Ho (um ator top que está acostumado a agir com base em scripts. Ele acaba se tornando o DJ de um programa de rádio ao vivo onde nada acontece conforme o planejado);
- Kim So Hyun como Song Geu Rim (sonha em ser escritora de rádio, mas está há anos trabalhando como assistente da escritora principal; ela não tem habilidades de escrita, mas possui excelentes habilidades de planejamento);
- Yoon Park como Lee Kang (diretor de produção competente da estação de rádio; por causa de seu perfeccionismo, cada programa que ele realiza alcançou o primeiro lugar nas classificações dos ouvintes; o problema é seu temperamento...);
- Yura como Jin Tae Ri (uma atriz antiga atriz mirim que não faz mais sucesso, mas usa de todos os artifícios possíveis para voltar ao estrelato).

Minha opinião: Adorei!
Nossa protagonista, a jovem Song Geu Rim, sonha em ser uma escritora de rádio. Desde que a mãe ficou sega, quando Song Geu Rim ainda era adolescente, ela passou a descrever tudo com riqueza de detalhes para a mãe, para que ela tivesse a sensação de estar vendo. E é exatamente isso que ela deseja poder fazer como escritora de rádio, permitir que os ouvintes apreciem as pequenas coisas do nosso dia-a-dia a que damos pouco valor, como a cor do céus ao entardecer, por exemplo.
No entanto, desde que começou a trabalhar no radio, há uns cinco anos, só o que ela faz é correr atrás de famosos e convencê-los a ser DJ de programas de rádio, tendo de suportar humilhações e se sujeitar a muitas coisas desagradáveis. Além de aguentar sua superior, uma escritora de verdade... e insuportável.
As coisas começam a mudar (vejam, eu não disse "melhorar") quando Geu Rim é demitida de seu cargo como escritora assistente. Tudo parecia estar perdido, mas no mesmo período o produtor Lee Kang (que também podemos chamar de Namastê) volta de suas "férias forçadas" e decide (re)contratar Geu Rim, mas desta vez como a escritora principal de um novo programa de rádio, mas ela tem uma missão: precisa convencer o famoso ator Ji Soo Ho a ser o DJ. Tarefa nada fácil.
Ji Soo Ho é um ator "top", sempre protagonizando ótimos dramas, sempre arrasando em campanhas publicitárias e sempre muito cobiçado. Além disso, aos olhos do público, Ji Soo Ho tem uma família perfeita: pais apaixonados e sempre envolvidos em campanhas sociais. Mas tudo não passa de fachada.
Depois de muito correr atrás de Soo Ho e implorar para que ele aceitasse ser DJ em um programa de rádio, Geu Rim finalmente consegue convencê-lo, mas a partir daí muitos outros obstáculos começam a aparecer.
Além dos conflitos entre o exigente Soo Ho e o temperamental Namaste, Geu Rim precisa administrar fatores externos, como o fato da mãe de Soo Ho (e dona da agência dele) não estar nem um pouco disposta a "perder dinheiro", já que ser DJ em um programa de rádio não dá dinheiro algum. Além disso, ela teme que as muitas verdades sujas sobre sua família venham a tona, uma vez que Soo Ho parece se abrir mais do que o necessário para a jovem escritora, Geu Rim.
Com a convivência diária, Geu Rim percebe que mesmo quando Soo Ho está sorrindo, ele parece estar triste. Ele parece usar uma máscara. E de fato usa. Ele sofre de depressão e insônia há anos, mas isso não é de conhecimento do público, que nem pode imaginar os traumas que o astro tem. Em diversos momentos eu me questionei sobre o motivo de Soo Ho não tomar as rédeas da própria vida e se deixar controlar pela "mãe", mas isso vais endo explicado e entendemos que suas relações familiares são bem complexas.
Foi divertido e fofo acompanhar Soo Ho descobrindo o mundo se descobrindo ao conviver com Geu Rim. Pela primeira vez na vida ele deseja fazer algo, fazer rádio e isso o faz sair da inércia em que sempre viveu. E acompanhamos o grande astro aprendendo coisas simples , que até então desconhecia por viver em eterna atuação, dentro e fora dos sets de filmagem.
Geu Rim, por sua vez, apesar de não ter o dom da escrita, não desiste de ser uma escritora e poder "criar imagens" a pessoas como sua mãe, que não podem enxergar; ou mesmo aquele ouvinte desatendo, que ocupado com o dia-a-dia corrido não consegue vislumbrar a beleza das coisas mais simples. E a cada episódio, a cada programa de rádio aprendemos alguma coisa, recebemos alguma mensagem... 
Se você é dorameiro, não importa há quanto tempo você assiste doramas, tenho certeza que já viu Kim So Hyun atuando, mas essa foi a primeira vez que a atriz interpretou uma adulta. É comum encontrá-la como uma adolescente em vários doramas, mas ela provou ser mais do que um rostinho bonito e jovem: ela é talentosa o suficiente para ser o que quiser diante das câmeras. Ela não poderia ter feito melhor.
Confesso que "Radio Romance" não tem uma história sensacional ou muito aprofundada, na verdade reúne vários clichês e é um tanto rasa, mas ainda assim eu recomendo se você quer dar boas risadas com o "triângulo amoroso" (que não chega a se concretizar, de fato, mas gera aquele ciuminho clichê dos doramas) e com as reações de Soo Ho. Além disso, o casal secundário conquistou meu coração! <3
E foi tão bom ver Geu Rim dando a volta por cima, alcançando seus objetivos e deixando azinimiga comendo poeira!
Essa imagem é só pra dizer que sim, temos MAIS UM dorama com o famoso guarda-chuva amarelo haha. Esse guarda-chuva está se tornando peça fundamental, né?! 
O fato de os protagonistas terem uma "história" no passado foi só um bônus, já que eles ficariam fofos juntos de qualquer forma. *-* (mas confesso que amei esse bônus).
Ah, uma coisa que não me convenceu muito no final foi a mudança na atitude da "mãe" de Soo Ho... sério, não fiquei nadinha convencida e queria ver ela se ferrando um pouco, afinal descontou sua tristeza e despeito em quem não tinha culpa alguma.
Sobre a trilha sonora, vou logo dizendo que é uma música melhor / mais fofa / mais viciante que a outra: Radio Romance (Tae Il & Do Young), Story (Lee Seok Hoon), Bygone Days (MiGYO) e On the Road (Hae Bin) foram minhas favoritas.

Se vocês quiserem conferir a um dorama fofo, cheio de clichês e cenas fofíssimas (de romance, de relação entre mãe e filha, de superação...), "Radio Romance" está mais do que recomendado.

Vocês encontram os 16 episódios online no VikiStar Dramas Fansub (necessário cadastro) e Kingdom Fansubs (necessário cadastro).

***
Espero que gostem!!

Beijos e amassos!!

Nenhum comentário

Postar um comentário

Adoro saber a sua opinião. ^^ Deixe um recadinho com sua sugestão e faça uma blogueira feliz! :)