12 de outubro de 2016

RESENHA: O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares (#1) + SORTEIO!

Editora: LeYa
Autor(a): Ransom Riggs
Número de páginas: 335

Sinopse: O livro que deu origem ao filme de Tim Burton! Com estreia marcada para setembro deste ano, o trailer começou a circular nas redes sociais em 15 de março e, até agora, já teve mais de 2,5 milhões de visualizações.
Eleito uma das 100 obras mais importantes da literatura jovem de todos os tempos, O orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares, é um romance que mistura ficção e fotografia. A história começa com uma tragédia familiar que lança Jacob, um rapaz de 16 anos, em uma jornada até uma ilha remota na costa do País de Gales, onde descobre as ruínas do Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares. Enquanto Jacob explora os quartos e corredores abandonados, fica claro que as crianças do orfanato são muito mais do que simplesmente peculiares. Elas podem ter sido perigosas e confinadas na ilha deserta por um bom motivo. E, de algum modo - por mais impossível que possa parecer - ainda podem estar vivas.
Olá gente lindaaa!!
Hoje é dia de conferir mais uma resenha da nossa querida resenhista, Ana Paula e, além disso, participar de um mega sorteio! Esperamos que vocês gostem!
***
No livro “O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares” conhecemos Jacob, um não tão típico adolescente de 16 anos que passa seus dias na companhia de seu único amigo, Ricky.
Jacob não se dá bem como seus pais, na verdade o membro da família que mais lhe agrada é seu avô, vovô Portman, que logo no início da história começa a apresentar prováveis sinais de delírio, o que começa a preocupar a família de Jacob.
Um dia, Jacob é incumbido por seu pai a visitar o avô e descobre que ele havia sumido de sua casa. Ao sair em uma busca desesperada com Ricky, Jacob encontra o avô em uma floresta, caído no chão e ferido por um monstro que só ele (aparentemente) consegue enxergar. Ao tentar socorrê-lo o avô diz o que seriam suas últimas palavras:
"— Vá para a ilha — repetiu. — Lá você estará em segurança. Prometa.
— Eu vou. Prometo. — O que mais eu poderia dizer?
— Achei que eu podia proteger você. Devia ter lhe contado há muito tempo... — Sua linha de raciocínio se perdeu. Podia ver sua vida se esvaindo.
— Contado o quê? — perguntei, segurando as lágrimas.
— Não há tempo — sussurrou. Depois ergueu a cabeça do chão, tremendo com o esforço, e respirou em meu ouvido: — Encontre a Ave. Na fenda. Do outro lado do túmulo do homem velho. Três de setembro de 1940. 
— Concordei com a cabeça, mas ele percebeu que eu não tinha entendido. Com suas últimas forças, ele acrescentou: — Emerson... a carta. Conte a eles o que aconteceu, Yakob." (página 31)
Jacob fica muito confuso e o que para ele pareceu ser um pedido de seu avô, para sua família soou como puramente loucura.
O tempo vai se passando e Jacob ainda sofre do trauma de ver seu avô morrendo e por não esquecer a imagem do monstro que viu naquela noite. Porque Ricky não o viu também?  Tais especulações levam os pais do garoto a encaminhá-lo a um psiquiatra, o que faz com certa relutância.
Jacob se lembra que vovô Portman sempre lhe contou histórias de seres fantásticos e com sua morte as mesmas ficaram cada vez mais presentes em sua memória. Será que Jacob estava ficando louco como o avô? Ao ajudar o pai a empacotar os pertences do avô, Jacob acaba encontrando uma carta de uma certa senhora chamada da Srta. Peregrine, de um orfanato, datado de 1940. Apesar de muito antiga, a correspondência parece ser a única pista que Jacob encontra para tentar desvendar as últimas palavras ditas pelo seu velho. Com a desculpa de viagem terapêutica, Jacob pede permissão para viajar para os Países Baixos (de onde a carta veio), coisa que só consegue porque seu pai embarca junto na viagem. 
Assim que chegam no novo País, Jacob começa a desbravar o local, que parece ter ligação fortíssima com seu avô, de muitos anos atrás. Ao procurar o orfanato se depara com uma imagem que lhe deixa de queixo caído:
"Meu avô a havia descrito cem vezes, mas em suas histórias a casa era sempre um lugar claro e feliz — grande e bagunçado, sim, mas cheio de luz e risos. O que havia diante de mim não era um refúgio de monstros, mas o próprio monstro, encarando-me com uma fome inexpressiva do alto de seu posto." (página 77)
Ele entra na casa e começa a investigar todos os cômodos e, ao descer ao porão, encontra um baú cheio de fotografias antigas, de várias crianças. Algumas fotos são chocantes: uma menina que levitava, um menino invisível, uma pequena criança com uma, aparentemente, extrema força e muitas outras fotos que só aguçaram ainda mais sua curiosidade, uma vez que eram as mesmas fotos que o avô já havia lhe mostrado quando mais novo. 
Enquanto mexia no baú começou a ouvir vozes e barulhos: ele não estava sozinho. Ao sair do aposento se depara com várias crianças (sim! As mesmas presentes nas fotos) e quando uma delas sai correndo não vê outra alternativa que não segui-la.
Começa então a correr atrás dela e ao passar por dentro de um cairn (gruta), Jacob se vê como que em outra dimensão: céu claro, vegetação verde... tudo tão diferente de alguns minutos atrás. 
"Virei-me na direção da janela e olhei lá para fora, maravilhado. O quintal estava cheio de crianças; quase todas elas eu reconheci das fotografias amareladas. Algumas descansavam à sombra de árvores frondosas, enquanto outras jogavam bola e corriam atrás umas das outras em meio a canteiros de flores que explodiam em cores. Era exatamente o paraíso que meu avô me descrevera em suas histórias. Essa era a ilha encantada; essas eram as crianças mágicas. Se eu estava sonhando, não queria mais acordar. Pelo menos, não por um bom tempo." (página 135)
Jacob adentra aquele novo mundo mas vira prisioneiro da menina que perseguiu, Emma. Esta lhe leva até a diretora do orfanato, que, não se sabe como, já lhe esperava e sabia que era neto de Portman. Jacob descobre com o passar do tempo que lá é como uma fenda do tempo, eles estão presos no dia 3 de setembro de 1940 e vivem o mesmo dia, todos os dias, para sempre. 
Cada habitante possui uma peculiaridade e vivem isolados a fim de se manterem em segurança do resto do mundo, onde seriam incompreendidos. Jacob passa a frequentar todos os dias o lugar. Mais tarde descobre-se que só um peculiar seria capaz de adentrar uma fenda do tempo... e no processo de descobrir qual sua peculiaridade, Jacob se vê em uma missão que pode salvar todos os seus novos amigos e o mundo que aprendeu a amar.
***
Confesso que o livro demorou para me conquistar. Apesar de acontecer muitas coisas e não haver enrolação por parte do autor eu não fui cativada pela história de maneira fácil. Apenas a partir do momento em que Jacob descobre a fenda do tempo é que permiti me entregar ao enredo. Depois fica impossível deixar a história, que é muito criativa e divertida. Um destaque são as fotos que o livro tem, reais - apesar de algumas terem sidos manipuladas. Foram doadas por colecionadores e incrementada à história de modo a só deixá-la mais misteriosa e interessante ainda.

Classificação:

***
SORTEIO!

Quer concorrer aos dois primeiros volumes da trilogia "O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares"? Basta deixar um comentário nesta postagem e preencher o formulário.

ATENÇÃO: Já que é a única regra obrigatória, nada de comentários raros dos tipo "Adorei. Quero ler!". Por favor, leiam MESMO a resenha e façam comentários pertinentes. 



a Rafflecopter giveaway

***
> O sorteio começa hoje, dia 12 de outubro, e termina dia 12 de novembro;
> Se o sorteado tiver deixado um comentário irrelevante (Legal, gostei! Quero ler!), outro sorteio será realizado;
> Perfis fakes ou exclusivos para promoções serão desclassificados;
> É necessário residir em território nacional.

***
Boa sorte a todos!!

Beijos e amassos!!

8 comentários

  1. oii

    esses livro é incrível, loca pra ler! A genialidade de Ransom Riggs, em colocar imagens no decorrer da historia, nos da uma outra perspectiva da historia. O livro me conquistou e despertou muita curiosidade principalmente pela capa e depois pela sinopse, ainda mais agora com o filme, só me deixou mais curiosa pra ler o livro.

    =^.^= http://pordentrodolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Muito bom! As fotos dão um toque todo especial ao enredo! Quero muito saber qual a continuação da história, qual será a decisão de Jacob... Estou muito curiosa!

    ResponderExcluir
  3. Na Turnê Intrínseca desse ano vi as fotos que estão no livro e fiquei curiosa. Era uma coisa que lembrava aquelas feiras e parques de antigamente, que exploravam os defeitos de algumas pessoas e os exibiam, tal qual animais exóticos.
    Sendo fã de livros de fantasia, gostei muito desse enredo. Fendas temporais sempre rendem histórias interessantes, onde passado e presente se mesclam. Quero muito conhecer mais sobre os peculiares e saber o que faz de Jacob um ser diferente.
    jaque_borchardt@hotmail.com

    ResponderExcluir
  4. Nossa, estou doida pra começar a ler essa trilogia, curto muito esse gênero, gostei muito do filme e cada resenha que leio dos livros me deixa ainda mais curiosa em conferi essa história.

    ResponderExcluir
  5. Em um primeiro momento quando soube da existência dessa trilogia, não me interessei muito pela leitura, pois imaginava que abordavam um outro assunto. Quando li várias resenhas sobre os livros acabei me sentindo interessada pela leitura, e curiosa para saber mais sobre os personagens, que parecem ser incríveis. Vi o trailer do filme, e quero ir muito aos cinemas assistir.

    ResponderExcluir
  6. Eu sinceramente estou muito curiosa depois da fama que os livros e principalmente o filme tomou.
    Lendo a resenha me preocupei um pouco no início. Parece que ele é mais voltado para o típico público adolescente, porque mistura aquela insegurança da adolescência mais os problemas pessoais (tá que nesse caso o problema é mais intenso porque o menino vê o avô morrer rsrs)
    E ai você também disse que o livro também demorou a te conquistar.... E o fato de ter algumas coisas reais também me chamam a atenção, pois você também disse que depois fica impossível largar a história...
    Enfim, confiante e animada para essa leitura! =)

    ResponderExcluir
  7. Fiquei curiosa sobre a leitura quando vi as primeiras notícias do filme.
    Vejo o diferencial com a fenda do tempo,gosto de um toque de magia nas histórias.
    As fotos são outro ponto que chama atenção,peculiares XD

    ResponderExcluir

Adoro saber a sua opinião. ^^ Deixe um recadinho com sua sugestão e faça uma blogueira feliz! :)