28 de janeiro de 2013

RESENHA: Lola e o Garoto da Casa ao Lado

Editora: Novo Conceito
Autor(a): Stephanie Perkins
Número de Páginas: 288

Sinopse: A designer-revelação Lola Nolan não acredita em moda… ela acredita em trajes. Quanto mais expressiva for a roupa — mais brilhante, mais divertida, mais selvagem — melhor. Mas apesar de o estilo de Lola ser ultrajante, ela é uma filha e amiga dedicada com grandes planos para o futuro. E tudo está muito perfeito (até mesmo com seu namorado roqueiro gostoso) até os gêmeos Bell, Calliope e Cricket, voltarem ao seu bairro. Quando Cricket — um inventor habilidoso — sai da sombra de sua irmã gêmea e volta para a vida de Lola, ela finalmente precisa conciliar uma vida de sentimentos pelo garoto da porta ao lado.

Olá gente lindaaaa!
Quem leu e AMOU "Anna e o Beijo Francês" não pode deixar de ler esse lançamento da Perkins. "Lola e o Garoto da Casa ao Lado" traz a escrita deliciosa da autora, uma história envolvente e fofinha e de quebra o casal queridinho do livro anterior.

Lola é uma adolescente no mínimo exótica. Ela está sempre usando trajes completos que mostram seu humor: quando ela é fogo, usa roupas vermelhas e laranjas, clarooooooo uma peruca para acompanhar o look. Filha de um casal gay, Lola sabe que tem uma família que pode espantar qualquer pretendente, afinal ela tem DOIS pais, oq ue já é de botam meto, né?!
Mas Max não se deixou intimidar. Vocalista de uma banda de rock, com cabelos descoloridos, um estilo mais que descolado e vários anos a mais, Max é o namorado perfeito para Lola (ainda que seus pais não concordem).
"- Valorizam demais o que é perfeito. Perfeição é um tédio.
Deixo escapar um sorriso.
- Você não me acha perfeita?
- Não. Você é deliciosamente esquisita e eu não gostaria que fosse de nenhum outro jeito. Agora, tome seu chá." (página 18)
Lola segue sua vida no ensino médio, com seu estilo diferente e colorido, com uma única melhor amiga e uma única preocupação: fazer um mega vestido ao estilo Maria Antonieta para um baile no colégio. Ok, pode ser que ela tenha uma outra preocupaçãozinha relacionada aos gêmeos Bell. Ela nunca mais quer ter de olhar para eles.
Mas... como tudo que é sólido pode derreter, após dois anos a família Bell volta a morar ao lado de casa de Lola e, encontrar os gêmeos se torna inevitável. E, ainda que Cricket (um dos gêmeos) tenha partido seu coração anos antes, Lola não consegue evitar que seu regresso lhe abale as estruturas.

"Meus olhos se fecham e eu pulo e me debato freneticamente para todos os lados. A voz de Max está enfurecida. A letra da música é um grande insulto. A energia de sua guitarra cresce mais e o contrabaixo vibra por meu corpo feito sangue correndo. Sou invencível.

E então abro os olhoss.
Cricket Bell sorri zombeteiro.
- Olá, Lola." (página 32)
Para quem está curioso, o casal 20 do livro anterior - Anna e St. Clair - também aparece nesse livro e tem papel importante na história de Lola, mas não são os protagonistas. St. Clair é colega de faculdade de Cricket e Anna é colega de trabalho de Lola
O carisma e bom humor francês de St. Clair me arrancou algumas risadas, confesso! haha
"O público vai ao delírio. É a melhor performance que ele já fez.
E é para mim.
Quando acaba, eu me viro para ver a reação de meus amigos. Anna e St. Clair parecem chocados. Impressionados, mas...  chocados, sem sombra de dúvidas.
- Ele é bom, Lola. Ele é muito bom - diz Anna, finalmente.
- Ele já considerou fazer terapia? - pergunta St. Clair e Anna lhe dá uma cotovelada na altura das costelas. - Ai! - Eu lanço um olhar fulminante e ele encolhe os ombros. - Foi incrível - ele continua. - Só estou chamando a atenção para a fúria desmedida que há nele." (página 128)
Diferente de Anna, Lola é uma garota decidida e com uma personalidade forte, mas ainda assim ela fica balançada com a volta dos Bell e teme que seu namoro seja afetado. Ela ama Max. Ele é o cara e, apesar de não ter uma relação muito boa com a melhor amiga de Lola, ela sabe que ele é um cara legal. Eles vão ficar juntos para sempre. Mesmo com o garoto da casa ao lado estando em sua janela em todos os finais de semana.
Cricket é um amor! Ele é o típico garoto bonzinho, desengonçado e iluminado. Ele consegue deixar qualquer lugar iluminado com seu sorrido despretensioso e sincero, e tem uma energia que cativa a todos (diferente da irmã). Não bastasse o jeitinho irresistível de Cricket, tem o detalhe de que ele foi (é?) o primeiro amor de Lola e.... a gente sabe que o primeiro amor não se esquece, né?!
******
Eu poderia me estender e falar sobre tudo o que eu amei nesse livro, mas.... vou deixar isso a cargo de vocês! hahaha Vou deixar vocês com a curiosidade e a vontade de ler e conferir com seus próprios olhos.
Só posso dizer que a leitura foi uma delícia! Lola é uma personagem carismática e divertida e, Cricket é fofo demais!
Mal posso esperar pelo lançamento do terceiro livro dessa coleção que é só fofura! *____*
SUPER RECOMENDO!

Classificação:

****
Espero que gostem!!

Beijos e amassos!!

7 comentários

  1. Eu amo amo amo Lola, e Anna! Acho que vou reler os dois livros novamente!
    Adorei sua resenha, e não vejo a hora da Stephanie lançar o seu terceiro livro sabia? Espero que a NC compre os direitos dele hihi.
    Um beijo.
    http://livrodagarota.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá...

    Não gostei muito de lola, apesar de ser um livro um pouco mais consistente do que o da anna... ainda assim, é muito bobinho.

    Beijos,

    Samantha Monteiro
    Word In My Bag
    http://wordinmybag.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Faz tempo que quero muito ler esse livro da Lola e O Beijos Francês, só que ainda não tive oportunidade... Acho muito legal isso dos personagens aparecerem de novo no outro livro, até agora só vi Agatha Christie (diva!) fazer isso... :)
    Sua resenha ficou bem bacana!

    Beijos
    Post novo no blog - http://livrosebatons.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Quero muito ler esse livro.
    Só tenho lido resenhas super positivas sobre ele, o que faz minha vontade de ler ele aumentar mais é mais.
    Bjos...

    ResponderExcluir
  5. Eu adorei Lola e Crickett. Para um segundo livro, a Stephanie se saiu muito bem.
    Eu ainda prefiro Anna, porque foi tudo muito fofo. Mas a linguagem, o desenvolvimento desse também não deixa a desejar.

    Parabéns pela resenha :)
    bjinhuxx
    Eu li e Divulgo
    http://euliedivulgo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. O livro é uma fofura.
    Adorei a Lola e o fofo do Cricket mas ainda acho que curti mais o livro da Anna. Como não se apaixonar pelo lindo do Etienne? hahaha

    Beijinhos,
    Thais P.
    http://thaypriscilla.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. eu quero muito ler esse livro *-*
    adorei sua resenha

    ResponderExcluir

Adoro saber a sua opinião. ^^ Deixe um recadinho com sua sugestão e faça uma blogueira feliz! :)