12 de outubro de 2011

RESENHA: O Mala - Manual de Identificação e Uso

Editora: Belas Letras (Cortesia)
Autor(a): Mario Kostzer
Número de Páginas: 80

Sinopse: Este é um guia para identificar as espécies de chatos que você precisa se esquivar todo dia, aquelas pessoas insuportáveis que ninguém quer carregar e, por isso, oportunamente ganharam o apelido de mala. Ou seja, este é um manual de sobrevivência, com doses refinadas do mais puro humor, para dar de presente a um amigo - com boas ou más intenções - ou para consumo próprio. Este livro também permite que cada um olhe para sua própria alça e descubra que grau de "malice" já atingiu.

Olá galerinhaaa!!!
Mais uma resenha pra vocês!!! E pasmem: É A SEGUNDA DESTA SEMANA!!!! aleluiaa!!!!


Todos os dias, em meio à nossa correria, à nossa rotina, nos deparamos (às vezes, mais de uma vez por dia) com diversos tipos de Mala, não me refito às malas de viagem, pior que isso, me refiro àquelas pessoas inconvenientes que não tem nem alças, nem rodinhas e insistem em perturbar nossa paz! rs.
Às vezes, os odiados malas são entes da família, "amigos", ou mesmo desconhecidos que tomam certas liberdades....
Um dos mais comuns, pelo menos no meu dia-a-dia é o Pentelho mala!! Quem nunca entrou num ônibus, ou em qualquer lugar público e teve que aturar corajosa e fortemente, um pestinha pulando no seu colo ou mexendo no seu cabelo, ou nas suas coisas....  enfim, te incomodando deliberadamente enquanto a mãe, tão mala quando o pentelho, acha graça em tudo, ou mesmo, finge que não vê as travessuras do pivete! (haja paciência, né?!)
"Para esquecer-se de tudo e não dar maior importância ao acontecido, você abrirá um livro que pensava ler na viagem, mas no instante em que o deixa sobre o colo, ele é alcançado pelas mãozinha carameladas do infante que o transforma num asqueroso acordeom."
E aquele Velho mala?? Que acha que sabe tudo por ter vivido diversas experiências, teima em ser sempre o centro das atenções, expositor de longas e entediantes conferências sobre temas irrelevantes.
"Tem um humor absolutamente idiota e repete as piadas tantas vezes que que sua família deve fazer aulas de teatro para conseguir rir das suas gracinhas."
E não podemos esquecer daquela malas da academia, que vivem exibindo o corpo como se fosse feito de ouro.... exercitam tanto o corpo, que no final das contas o cérebro não passa de um músculo a mais, pois nunca é exercitado!
"Você o verá como segurança de algum bar, utilizando contestáveis critérios a partir dos quais vai selecionar somente outros malas como ele para adentrar no recinto. Também pode se transformar no stripper que deliciará as histéricas dispostas a comparar esses lustrosos bíceps com os do marido capenga que tem em casa." 
*******
No livro você encontrará esses e muitos outros tipos de malas, além de contratempos e desculpas malas. De um jeito bem divertido, Mario apresenta situações engraçadas, mas que com muita facilidade conseguimos reconhecer em nosso dia-a-dia. E tome cuidado, pois talvez você se identifique com um desses malas!! Tá aí o motivo do espelho na capa... fazer com que o leitor saiba que corre o risco de ser o mala na vida de alguém, rs. Ainda bem que ele não escreveu sobre o leitor mala, que lê e fala sobre o livro que leu durante uma semana!
É um livro de leitura suuuper rápida e descontraída.

Classificação:

****
Espero que gostem!!


Beijos e amassos!!

Um comentário

  1. Eu já li! Achei a arte desse livro mto bem feita. É realmente um manual a ser consultado quando vc não tem certeza qual é o tipo de mala que está ao seu lado. Ou pior, o tipo de mala que vc é. rsrsr

    BjoO
    Pri
    Entre Fatos e Livros

    ResponderExcluir

Adoro saber a sua opinião. ^^ Deixe um recadinho com sua sugestão e faça uma blogueira feliz! :)